Quinta, 23 de Novembro de 2017

Disparidade nos preços do metro quadrado dos imóveis é elevada

21 FEV 2010Por 07h:40
O superfaturamento dos imóveis em Campo Grande, com destaque para os residenciais construídos por meio do Programa Minha Casa, Minha Vida, comparado aos empreendimentos das pequenas construtoras, deixa ainda mais claro a disparidade de preços. Hoje, de acordo com um pequeno empresário, o custo do metro quadrado fica em torno de R$ 800, sem considerar o valor do terreno. Ao acrescentar o preço de um terreno R$ 30 mil (10x30 metros), chega-se ao montante total da obra: R$ 90 mil, com o metro quadrado a R$ 1.200. Dados divulgados mensa lmente pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em convênio com a Caixa Econômica Federal, apontam que o custo médio do metro quadrado da construção civil em Mato Grosso do Sul (sem o terreno), no mês de janeiro, foi de R$ 693,12. Nessa composição, são levados em conta o reajuste da mão de obra em cada Estado e o valor médio do material de construção. O IBGE mostra, também, a variação mensal e anual dos reajustes do setor. No ano, o aumento chega a 0,16% e nos últimos 12 meses, o acumulado é de 6,69% – o maior índice entre os estados da região Centro-Oeste e maior que a média brasileira, que chegou a 5,88%. (VH)

Leia Também