Segunda, 20 de Novembro de 2017

Dilma e Lula farão comício com José Orcírio em MS

29 JUL 2010Por 23h:14
lidiane kober, redação
clodoaldo silva, brasília

A candidata do PT à sucessão presidencial Dilma Rousseff virá com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva participar de comício em Dourados e de encontro com prefeitos em Campo Grande, no dia 24 de agosto. Os atos políticos foram pré-agendados ontem em Brasília com a equipe de coordenação da campanha da petista. A vinda de Lula foi combinada na semana passada. Ele vai inaugurar obras na Capital e depois seguirá ao segundo maior município do Estado para pedir votos em favor das candidaturas de Dilma e de José Orcírio dos Santos (PT) ao governo.
A fim de sacramentar a agenda, ainda ontem Orcírio conversou em Brasília com o chefe do gabinete da Presidência, Gilberto Carvalho, e com o ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha. Os dois confirmaram a presença da presidenciável do PT no comício previsto para acontecer no segundo maior colégio eleitoral do Estado. Pelo menos esse é o plano de Orcírio. “Falta definir com exatidão se o ato será mesmo em Dourados ou em Campo Grande”, frisou. Mas, a princípio, o comício está programado para Dourados.
A ideia do petista é promover, na Capital, ato político com a militância do partido. “Primeiro, o presidente vai inaugurar obra do PAC (Plano de Aceleração do Crescimento)”, contou. “Se der tempo a gente faz um encontro interno para, depois, ir a Dourados visitar a UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados) e à noite realizar um comício”, completou.
Com a presença de Lula, Orcírio espera virar o jogo eleitoral em Mato Grosso do Sul. O presidente tem a aprovação de 83% dos eleitores do Estado, conforme pesquisa do Ibrape, encomendada pelo Correio do Estado. Em contrapartida, Orcírio está com desvantagem de 17 pontos percentuais em relação ao governador André Puccinelli (PMDB). De acordo com o levantamento do mesmo instituto, o petista tem 37% das intenções de voto contra 54% do peemedebista.

Nelsinho
Ainda esteve em discussão em Brasília a coordenação da campanha da presidenciável do PT, em Mato Grosso do Sul. O prefeito de Campo Grande Nelsinho Trad (PMDB) deverá comandar o comitê de prefeitos pró-Dilma no Estado e o senador Valter Pereira (PMDB) será confirmado, na semana que vem, como o coordenador-geral da campanha da petista.
Como primeira tarefa oficial, Nelsinho organizará, dia 24 de agosto, ato político reunindo pelo menos 40 prefeitos que simpatizam com a candidatura de Dilma. “Vamos mostrar a força dela no Estado”, comentou. Segundo ele, depois de inaugurar obras na Capital, Lula marcará presença no encontro e, em seguida, ele acompanhará o presidente até Dourados.

Leia Também