Sábado, 18 de Novembro de 2017

Pedro Chaves dos Santos Filho - Diretor-pres

Contratos da Santa Casa precisam ser revistos

14 FEV 2010Por 04h:52
Depois de trabalhar por cerca de 30 anos na administração de uma universidade, o economista Pedro Chaves dos Santos Filho assumiu há oito meses o cargo de diretor-presidente da Santa Casa, maior hospital de Mato Grosso do Sul. Ele garante que, apesar de algumas especulações de que iria deixar o cargo, vai permanecer na função focado em promover uma gestão profissional e humanizada. Entretanto, os desafios esbarram ainda na dependência dos recursos que precisam ser viabilizados pelo Poder Público (Prefeitura de Campo Grande e Governo do Estado).

Os repasses do Sistema Único de Saúde (SUS), que correspondem a 85% dos atendimentos do hospital, apresentam-se defasados e deixam déficit mensal que precisa ser suprido com este apoio.

Outro ponto crucial refere-se aos contratos com as empresas terceirizadas. Os valores não condizem com a realidade e precisam ser revistos. No entanto, Chaves não vê alternativa para rompê-los porque o hospital ainda não conta com equipamentos necessários e depende da estrutura destas empresas.

Leia Também