Sexta, 17 de Novembro de 2017

Comercialização de veículos cresce 11% em MS

4 MAR 2010Por 04h:58
As vendas de autos e comerciais leves registraram em fevereiro incremento de 11,4% em Mato Grosso do Sul, sobre o mesmo mês de 2009. Foram comercializadas 2.584 unidades em fevereiro deste ano e 2.318 no mesmo período do ano passado. No acumulado do ano, o crescimento chega a 17,7%. No segmento de caminhões e ônibus, o índice ficou negativo em 6,1%; já no acumulado do ano, passou para 7,4% positivo. A venda de motos aumentou 16,6% no mês anterior, comparado a fevereiro de 2009. Nos primeiros dois meses de 2010, o crescimento chegou a 10,8% sobre janeiro e fevereiro de 2009. Na região Centro-Oeste, o índice médio de vendas foi de 4,2% apurado no mês anterior na comparação com o mesmo período de 2009. No segmento de motos houve variação positiva de 6,93%; já no acumulado, a queda chegou a 3,84%. Caminhões e ônibus não apresentaram bom desempenho e apontam queda superior a 50% nas vendas, considerando-se o segundo mês de 2010 com o mesmo de 2009. No acumulado do ano, o recuo foi 58,7% na comercialização desses bens. Expectativas A expectativa do setor para o mês de março é de crescimento em torno de 40%. A justificativa está ancorada na isenção parcial do Imposto sobre Produtos Industrializados, que se encerra em 31 de março. O benefício é maior sobre os carros 1.0., hoje com incidência de 3% sobre os veículos flex, que passarão para 7% a partir de 1º de abril. O retorno do IPI cheio será incorporado ao preço final do veículo que poderá ficar entre 3,5% e 4% mais caro. Os carros 1.0 movidos a gasolina, hoje tributados em 3%, passarão para 7%.

Leia Também