Quarta, 22 de Novembro de 2017

Chivas e Inter abrem hoje a final da Copa Libertadores

11 AGO 2010Por 07h:56
Guadalajara, México

O Inter começa a decidir a Copa Libertadores hoje às 20h50min (MS), contra o Chivas, fora de casa. Além da forte equipe mexicana e da pressão da torcida local, o time gaúcho, campeão em 2006, terá pela frente outra dificuldade: o gramado sintético do recém-inaugurado estádio Omnilife, em Guadalajara.
Para tentar amenizar os problemas de adaptação ao campo de jogo, o Inter treina no palco do confronto desde segunda-feira. A primeira impressão dos jogadores do Colorado é que a principal diferença está em relação à velocidade maior que abola adquire quando quica.
Para a partida, o técnico Celso Roth tem o sério desfalque do meia Tinga, que foi expulso na partida semifinal contra o São Paulo. Giuliano e Andrezinho disputam a vaga para fazer companhia a Sandro, Guiñazu e D’Alessandro no setor de meio campo.
O Chivas também encara a grama sintética do estádio Omnilife com certo receio. A arena foi inaugurada no final de julho, em amistoso contra o Manchester United vencido pelo time local, e a equipe realizou apenas poucos treinos no novo gramado.
Apesar da confiança dos atletas em conquistar um bom resultado diante de sua torcida, o técnico mexicano José Luís Real apontou o Inter como grande favorito para ficar com o título da competição.
“É um dos maiores clubes do futebol mundial, tem atletas muito talentosos, além de um jogo coletivo excelente”, disse o treinador do Chivas, que não deve fazer alterações no time que conseguiu a vaga na final ao derrotar a Universidad de Chile. A única ausência é o atacante Javier Hernandez, que se transferiu para o Manchester United.

Leia Também