Segunda, 20 de Novembro de 2017

Cartilha make-up: blush

1 OUT 2010Por 11h:30

Giulana Miranda, Bolsa de Mulher

O blush é peça-chave no visual de qualquer mulher. Além de conferir uma aparência saudável, ele ajuda a disfarçar olheiras e outras imperfeições do rosto. Mas, se a aplicação correta é capaz de fazer milagres, o excesso de blush pode arruinar qualquer produção. Para escapar do visual “boneca de pano” (dois círculos avermelhados nas bochechas), preparamos um guia com tudo o que você precisa saber para usá-lo e, é claro, arrasar com as bochechinhas coradas na medida certa!

Há vários tipos de blush, cada um responsável por um look diferente. Para acertar     na escolha e ficar com aparência de estrela, os maquiadores, ensinam o principal sobre cada um:

Pó : é o tipo mais comum de blush e o que tem a melhor duração. A textura resiste bem ao calor e à umidade, sendo indicado para peles oleosas. O ideal é aplicá-lo com um pincel grande de cerdas macias. Para tirar o excesso do produto, dê batidinhas no pincel antes de passá-lo no rosto.

Cremoso : é perfeito para quem tem a pele mais seca, já que ele não resiste muito bem à oleosidade. Mistura-se facilmente com a pele, dando uma aparência bastante natural. O ideal é colocar um pouco do produto na ponta dos dedos ou em uma esponja facial e passar suavemente, nunca esfregando.

Líquido : confere um ar saudável e natural, sendo ideal para quem não usa base ou corretivo. Prático, não precisa de pincel, sendo perfeito para carregar na bolsa. Ponha três gotinhas na base do maxilar e, com a ponta dos dedos, dê leves batidinhas em direção às têmporas. Para manter o efeito, pode ser preciso aplicar mais de uma vez.

No tom certo
Escolher uma cor que se harmonize com o tom da pele também é fundamental. De acordo com os maquiadores, mulheres loiras ou com a pele bem branquinha devem optar por tons rosados, puxando para o pêssego. As morenas devem apostar em tons um pouco mais fortes, como o laranja e o terracota. A pele negra também combina muito bem com o terracota, além dos tons âmbar. Já as orientais, que costumam ter pele clara e o cabelo bastante escuro, arrasam usando as escalas de laranja e pêssego.
O blush com efeito bronzeador podem ser usados por qualquer mulher. Os bronzers são, na realidade, uma combinação, uma espécie de colcha de retalhos, de vários tons de blush, como rosa, pérola, mate e laranja. Tudo para que o resultado final seja o mais próximo do bronzeado natural. Geralmente há três opções de bronze: claro, médio e escuro. Quanto mais clara for a sua pele, mais claro deve ser o blush bronzeador.

Simetria
Saber onde aplicar o blush também faz toda a diferença. É ensinado também um truque infalível para descobrir o lugar certo. Em frente ao espelho, dê um sorriso bem grande, com a boca fechada. O certo é aplicar onde as bochechas ficarem mais protuberantes, sempre tendo cuidado para não chegar muito próximo ao nariz e aos olhos.
O formato do rosto também influi na aplicação. Para afinar a expressão, mulher com rosto redondo devem passar o produto na diagonal – das maçãs do rosto em direção às têmporas. Para suavizar feições quadradas, o ideal é concentrar o blush suavemente na maçã do rosto, sem puxar muito em direção às orelhas. Já quem tem rosto oval deve aplicar o produto um pouco mais afastado do nariz, com toques leves em direção à lateral da face.
Lembre-se, também, na hora de passar o blush, que menos é mais. Por isso, fique atenta à quantidade aplicada. A medida ideal é aquela que deixa o aspecto da pele natural. Mas, se você acabar de se maquiar e perceber que exagerou na dose, não se desespere. Os maquiadores têm dicas preciosas para corrigir o exagero. Usa-se umas esponjinhas de farmácia, bem molezinhas, para remover o excesso. Basta passá-la suavemente sobre o rosto e o visual fica bonito de novo. Se você não tem uma esponja, uma alternativa é um pincel grande e largo, ou mesmo um pedaço de algodão, que deve percorrer suavemente os pontos de excesso de maquiagem.
Depois de arrasar com o seu make, o trabalho ainda não está terminado. Os maquiadores são categóricos: dormir com maquiagem, nem pensar! A pele precisa respirar e os produtos acabam bloqueando os poros. Assim, lave bem o rosto antes de ir para a cama e, de preferência, use algum demaquilante ou gel de limpeza. Suas futuras produções agradecem!

Leia Também