Quinta, 23 de Novembro de 2017

“Caminhos da dança” retorna ampliado

20 ABR 2010Por 20h:38

CRISTINA MEDEIROS

 

A exemplo do que ocorreu em dois anos anteriores, a Associação Sul-Mato-Grossense de Dança promove, hoje e amanhã, às 19h, mais uma edição do "Caminhos da dança", que nesta terceira edição se apresenta em proporções muito maiores e antecipa as comemorações do Dia Internacional da Dança (29 de abril).

Ocupando o palco da Concha Acústica Família Espíndola (Praça do Rádio Clube), o evento, que acontece em parceria com a Fundação Municipal de Cultura (Fundac) e tem entrada franca, contará com convidados especiais, 36 grupos de dança de Campo Grande, reunindo, aproximadamente, 350 bailarinos.

"O projeto cresceu muito nestes dois anos, pois foi prestigiado não só pelo público, mas pelos grupos locais também. Tanto que tivemos que dividi-los em duas noites. No ano passado, participaram 16 grupos, aplaudidos por cerca de cinco mil pessoas; agora, são 36", explica a bailarina e coreógrafa Maria Helena Pettengill, da diretoria da associação.

A programação de hoje tem início com danças clássicas e contemporâneas, apresentadas por grupos e escolas de Campo Grande. Haverá a participação dos bailarinos convidados Priscilla Yokoi e Guilherme de Oliveira, de São Paulo.

Amanhã, será a vez dos grupos de danças folclóricas, populares, street dance e jazz. O convidado da noite é o consagrado bailarino Carlinhos de Jesus. Segundo Maria Helena Pettengill, um dos grandes objetivos da comemoração é aumentar a atenção destinada à dança pelo poder público e também pela população em geral. "É muito importante que o público conheça e analise o trabalho dos grupos locais, e o ‘Caminhos da dança’ consegue reunir número expressivo de pessoas, formando plateias".

O diretor presidente da Fundac, Roberto Figueiredo, acredita que o projeto mostra as várias caras da dança em Campo Grande. "Nossa cidade tem os mais diversos caminhos da dança, com estilos variados e grupos de altíssima qualidade".

Leia Também