Sábado, 25 de Novembro de 2017

Caixa destinou R$ 47 bilhões para financiamentos no ano passado

28 JAN 2010Por 22h:35
A Caixa Econômica Federal fechou 2009 com R$ 47,05 bilhões em financiamentos imobiliários, sendo R$ 14,1 bilhões destinados ao programa Minha Casa, Minha Vida. Trata-se da maior contratação habitacional de sua história. Receberam o crédito 896.762 famílias, sendo 275.528 pelo Minha Casa, Minha Vida. O volume de crédito é 102% maior do que registrado em 2008 e 9,4 vezes acima do de 2003, informou a Caixa nesta quarta-feira. No início do mês, a presidente do banco, Maria Fernanda Coelho, informou que o valor liberado era de aproximadamente R$ 45 bilhões, número que foi atualizado ontem. “Contrariando todas as expectativas, 2009 foi um ótimo ano para o crédito imobiliário”, afirmou o vice- presidente de governo da Caixa, Jorge Hereda. Segundo ele, a instituição ocupou o espaço deixado pelos outros bancos em 2009, durante a crise econômica mundial. Com isso, fechou o ano com 71% de todo o financiamento imobiliário do mercado. As linhas de crédito com recursos do FGTS também tiveram crescimento expressivo em 2009. Os empréstimos para imóveis novos ou na planta somaram mais de R$ 9,4 bilhões, 109% maior do que 2008. A quantidade de unidades financiadas aumentou 31%, passando de 110.021 em 2008 para 144.309 em 2009. Já os recursos para imóveis usados aumentaram 36% no ano passado, subindo de R$ 5,74 bilhões para R$ 7,84 bilhões. No total, o financiamento com recursos do FGTS cresceu 65%, com 284.791 novos contratos. Os financiamentos com recursos da poupança, por sua vez, somaram R$ 19,4 bilhões em 2009, 108% a mais do que em 2008. Foram financiadas 153,181 unidades no país. Expectativa A Caixa Economia Federal tem por meta financiar 1 milhão de moradias pelo programa “Minha Casa, Minha Vida”, do governo federal. Para tanto, terá que financiar neste ano 724.472 imóveis – número quase três vezes maior do que o de 2009 (275.528). A expectativa para 2010 é de que sejam liberados 60 mil financiamentos pelo programa federal a cada mês.

Leia Também