Quarta, 22 de Novembro de 2017

Bolsa foi uma das melhores aplicações em fevereiro

27 FEV 2010Por 05h:05
A Bolsa de Valores foi o investimento de maior retorno em fevereiro, permitindo uma rentabilidade pouco superior a aplicações de corte mais conservador, a exemplo da poupança ou dos fundos de renda fixa. Referência para boa parte dos fundos de renda variável oferecido pelos bancos, o índice Ibovespa teve valorização de 1,68% em fevereiro, mês bastante conturbado para o mercado de capitais mundial, em meio a problemas na zona do euro e a indicação de que os governos vão começar a reverter os estímulos concedidos no auge da crise de 2008. Os fundos de investimentos do tipo DI e Renda Fixa apresentaram uma taxa média de rentabilidade de 0,52% e 0,71%, respectivamente, segundo cálculo da Associação do mercado de capitais, com dados atualizados até o dia 23. O dinheiro aplicado na popular caderneta de poupança, por sua vez, deve render 0,50% em fevereiro. A poupança, no entanto, ao contrário das demais aplicações financeiras, é isenta de imposto de renda. Investidores com aplicações atreladas ao dólar tiveram uma decepção neste mês: a cotação da moeda americana desvalorizou 4,14% no período. O mesmo pode ser dito para a commodity metálica ouro: os preços caíram 1,2% neste mês, conforme os valores registrados na Bolsa de Mercadorias & Futuros. A inflação do período teve um repique e superou a rentabilidade nominal de muitas aplicações financeiras. O Índice Geral de Preços (IGP-M) utilizado para o reajuste de aluguéis, oscilou 1,18%, enquanto o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA-15) subiu 0,94%. Esse índice reflete os preços de uma cesta de consumo regular para famílias com renda até 40 salários mínimos. Bimestre As aplicações mais arriscadas continuam a liderar o ranking de investimentos, considerando o primeiro bimestre deste ano. A taxa de câmbio valorizou 3,8% nos dois meses, enquanto a cotação do ouro (referência BM&F) ficou 5,18% mais alta. Os fundos do tipo DI favoreceram retorno de 1,19%, em média, enquanto os fundos de renda fixa renderam 1,61% em fevereiro (com dados atualizados até o dia 23). E o retorno estimado para a poupança nesses dois meses é de 1%.

Leia Também