Sábado, 25 de Novembro de 2017

Baú da Felicidade é alvo de 29 processos na Capital

19 MAR 2010Por 06h:03
O fechamento da loja do Baú da Felicidade Utilidades Domésticas, em Campo Grande, aumentou o número de consumidores insatisfeitos na fila da Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon/MS). Das 47 reclamações contra a empresa do Grupo Silvio Santos, registradas desde 2007, 29 resultaram em processos — índice alto, segundo a superintendência. Os clientes queixam-se principalmente do atraso ou do não recebimento das mercadorias pagas ao longo do ano, em carnês com parcelas fixas. Também há registros de denúncias contra propaganda enganosa. A empresa respondeu à maioria dos processos e informa que anunciou em veículos de comunicação o fim das atividades na Capital. No site do Baú, há orientação para que os produtos sejam resgatados por meio de catálogo enviado por correio pela Loja Postal. Sem poder contar com a orientação de vendedores, como esperava, a aposentada Margarida Oliveira enviou pagamento de R$ 300 por carta ao Baú, que não acusou o recebimento do envelope. Margarida recorreu ao Procon e, na última quarta-feira, após audiência sem a participação de representante da empresa, conseguiu o ressarcimento dos Correios, mesmo sem ter feito o seguro de envio. O diretor do órgão compreendeu que, por ser analfabeta, ela não soube como executar a remessa, daí a flexibilidade na decisão. “Foi muito rápido, já devolveram meu dinheiro e estou feliz”, comemora a aposentada. O Baú, criado há 50 anos, tem 127 lojas espalhadas por Minas Gerais, Paraná e São Paulo. O empreendimento ganhou corpo aliado à imagem do apresentador de televisão e empresário Silvio Santos, que alicerçou seus negócios na relação com seu público. São eles que compram a Tele Sena, — produto da Liderança Capitalização, também do grupo — e “pagam em dia as mensalidades do carnê do Baú”, como recomenda o narrador na publicidade veiculada na tevê. Para atender às dúvidas e reclamações, a empresa disponibiliza o número de telefone 0800 709 0208.

Leia Também