Quarta, 22 de Novembro de 2017

Banheiros da Ary Coelho serão substituídos por sanitários químicos

1 AGO 2010Por 21h:26
Praça Ary Coelho terá os banheiros públicos retirados, sendo substituídos por sanitários químicos, e será cercada em toda a sua extensão, adotando modelo semelhante ao utilizado na Praça Itanhangá. As mudanças estão previstas em projeto de revitalização, cujo esboço foi apresentado na última semana ao prefeito Nelsinho Trad (PMDB). Ainda não há prazo para abertura de licitação para as obras.
O secretário municipal de Infraestrutura, Transporte e Habitação, João Antônio de Marco, que também participou da reunião do prefeito com o arquiteto responsável pelo esboço do projeto, adiantou que além do cercamento e remoção dos banheiros haverá a instalação de um pórtico de entrada em cada esquina da praça, mas as características tradicionais do espaço público serão mantidas. “Piso, pavimento, coreto e fonte luminosa, enfim todas as instalações tradicionais da Praça Ary Coelho, serão preservadas”, destacou.
Ainda conforme o secretário de Infraestrutura, a retirada dos banheiros foi uma determinação do próprio prefeito. Os sanitários são um constante foco de problemas para a administração pública, em decorrência do vandalismo. Somente entre 2009 e este ano, os banheiros da Praça Ary Coelho tiveram que ser reformados seis vezes. “Vai ser um espaço que vai ter banheiros químicos e periodicamente, como mandam as normas de saúde, eles serão retirados do local”, explicou.  Já as instalações existentes, como o coreto e a fonte luminosa, serão preservadas, também seguindo determinação do prefeito Nelsinho Trad, que pediu urgência na conclusão do projeto.
“O prefeito concordou (com a idéia apresentada) e determinou que se encaminhasse o projeto ao Executivo municipal. Assim que ele estiver pronto, será apresentado para a Secretaria de Infraestrutura para a gente proceder as licitações e todos os procedimentos técnicos”, comentou.O custo da revitalização da Praça Ary Coelho ainda não foi definido e vai depender da conclusão do projeto, que tem como responsável o arquiteto Paulo Hernandez, idealizador da árvore de Natal da Casa do Papai Noel em 2008.

História
A área onde hoje está situada a Praça Ary Coelho abrigou o primeiro cemitério de Campo Grande (na época, arraial de Santo Antônio), tornando-se praça em 1909, com o novo traçado da cidade. Em 1954, recebeu o nome de Ary Coelho em homenagem ao prefeito de Campo Grande, assassinado em 1952, em Cuiabá (MT). Situada entre a Avenida Afonso Pena e as ruas 13 de Maio, 14 de Julho e 15 de Novembro, a praça costuma abrigar shows musicais e é palco tradicional de eventos e manifestações populares. (DA)

Leia Também