Domingo, 19 de Novembro de 2017

Até sozinho, Governo construirá Belo Monte

23 ABR 2010Por 07h:37
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva avisou ontem que a Usina de Belo Monte, no Pará, será construída mesmo sem a participação de empresas privadas. A reação do presidente ocorre no momento em que a construtora Queiroz Galvão ameaça deixar o leilão. Lula comemorou a vitória judicial contra os adversários da construção da hidrelétrica e a realização do seu leilão. Segundo ele, a participação é livre e não há “cadeado” prendendo ninguém.

“No leilão entrou quem quis, sai quem quiser depois. Não tem cadeado algum fechando a porta. Não tem. Tem várias portas, quem quiser entrar entra, quem quiser sair, sai. Não tem nenhum problema. A única coisa que eu digo, é o seguinte: nós, enquanto Estado brasileiro, enquanto empresa pública faremos sozinhos, se for necessário fazer”, afirmou ele, depois de evento no Itamaraty.

Leia Também