Sexta, 24 de Novembro de 2017

Artuzi e Puccinelli podem ser processados por propaganda ilegal

19 MAI 2010Por 06h:11
Fábio Dorta, Dourados

O prefeito de Dourados Ari Artuzi (PDT) e o governador André Puccinelli (PMDB) podem ser denunciados pela Procuradoria Regional Eleitoral por propaganda política ilegal. O relatório foi concluído ontem pelo promotor eleitoral João Linhares Júnior e será encaminhado nos próximos dias à procuradoria.
O documento relata a distribuição de panfletos, no dia 7 de abril deste ano, com a fotografia de Puccinelli e Artuzi. A entrega do material teria sido feita no Centro de Dourados, com um convite para a solenidade de início da obra da rodovia perimetral norte.
Outro fator apontado pelo promotor foi o transporte, em  dia letivo, de centenas de alunos do ensino fundamental da Rede Municipal de Ensino até o local do evento.
A denúncia do promotor se baseia em cópias dos panfletos e em fotografias registrando a presença dos alunos na solenidade, realizada às margens da Avenida Guaicurus. Os estudantes foram transportados em ônibus escolares, bancados com recursos da Secretaria Municipal de Educação.
Via ofício, o promotor eleitoral requisitou informações aos diretores das escolas cujos alunos participaram da solenidade. Segundo João Linhares Júnior, parte deles confirmou que os alunos foram levados até o local atendendo a um pedido oficial da Secretaria de Educação. Caso a procuradoria aceite a denúncia, o prefeito e o governador responderão por propaganda eleitoral antecipada, crime passível de multa e impugnação de candidatura.

Leia Também