Vendaval mata uma pessoa em Ilha Solteira

FOLHA PRESS13 de Janeiro de 2014 | 15h30

Ao menos cinco pessoas morreram por causa da forte chuva que atingiu o interior do Estado de São Paulo entre a tarde de ontem e a madrugada de hoje.

Em Ilha Solteira (672 km a noroeste de São Paulo), um forte vendaval derrubou uma árvore e matou um pessoa no bairro Recanto das Águas.

Em Itaóca (347 km ao sul de São Paulo), a cheia do rio Palmital, matou quatro pessoas. De acordo com a Defesa Civil estadual, cerca de 10 a 15 pessoas continuam desaparecidas na cidade que permanece isolada por conta de quedas de barreiras.

Aproximadamente 100 moradias foram afetadas. A cidade sofre ainda com falta de abastecimento de água e energia elétrica. A prefeitura local ainda decretou estado de calamidade pública por conta da tragédia.

Materiais de ajuda humanitária já foram disponibilizados pela Defesa Civil para o município.

Segundo o órgão, a cidade vizinha de Apiaí também foi atingida e lá 50 casas foram afetadas por conta da cheia do rio.

Há previsão, ao longo do dia, de pancadas de chuvas de intensidade moderada a forte para a região.
 

Comentários
Mais de CidadesHomem que matou vizinho a facadas é condenado a 15 anosCAMPO GRANDEHomem que matou vizinho a facadas é condenado a 15 anosCORUMBÁCentro Dom Bosco abre
184 vagas para três novos cursos profissionalizantes
As inscrições podem ser feitas nos Centros de Referência de Assistência Social até o dia 29
Instituto Moinho Cultural abre campanha de financiamento coletivo para realizar eventoCORUMBÁInstituto Moinho Cultural abre campanha de financiamento coletivo para realizar eventoGoverno do Estado renova contratos de repasses para <BR>a Saúde de duas cidadesSAÚDEGoverno do Estado renova contratos de repasses para
a Saúde de duas cidades
 Últimas Notícias  


  • Assinaturas:
    • (67) 3323-6100
  • Publicidade:
    • (67) 3320-0023
    • (67) 3323-6090
  • Empresa:
    • (67) 3323-6090
    • (67) 3323-6059
 Plataforma Desenvolvimento© Correio do Estado S/A. Todos os Direitos Reservados.