Receita Federal abre hoje consulta
ao 4º lote de restituição

PRIMEIRAEDICAO.COM11 de Setembro de 2012 | 07h18

A Receita Federal libera, a partir das 9h de hoje (11), a consulta ao quarto lote de restituição do Imposto de Renda. No lote, também há restituições para quem caiu na malha fina em 2011, 2010, 2009 e 2008. Serão depositados, no total, R$ 1,8 bilhão, sendo que mais de R$ 1,73 bilhão se referem ao exercício de 2012.

Considerando todos os lotes, 1.958.382 contribuintes receberão restituição. O dinheiro será depositado na conta bancária fornecida pelo contribuinte no próximo dia 17.

Para saber se teve a declaração liberada, é preciso acessar a página da Receita na internet ou ligar para o Receitafone (146).

Para o lote de 2011, um total de 17.450 contribuintes receberão restituições que somam mais de R$ 41 milhões, enquanto 6.279 pessoas que ainda têm a receber do lote residual de 2010 receberão um total superior a R$ 12,9 milhões.

Em relação ao lote do exercício de 2009, serão creditadas restituições para 4.193 contribuintes, totalizando R$ 9.221.972,33. Por fim, referente ao lote residual de 2008 um total de 2.203 pessoas receberão R$ 4,5 milhões.

Até agora, foram liberados três lotes com mais de 6,5 milhões de declarações no valor total de R$ 7.063.691.970,36. Em 2012, a Receita recebeu mais de 25,2 milhões de declarações.

Os contribuintes que não entraram nas relações de restituições liberadas até o momento devem verificar no extrato da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2012 eventuais pendências e se existem motivos para a retenção em malha fina.

O documento está disponível no Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte (e-CAC). Para acessá-lo, é necessário usar o código de acesso gerado na própria página da Receita, ou o certificado digital emitido por autoridade habilitada. Para gerar o código, o contribuinte precisará informar o número do recibo de entrega das declarações de Imposto de Renda dos dois últimos exercícios. Caso encontre algum erro, a regularização poderá ser feita por meio do e-CAC.

Caso a restituição não seja creditada no banco, o contribuinte poderá entrar em contato com qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento da instituição por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (pessoas com deficientes auditivos), para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.
 

Comentários
Mais de EconomiaGoverno inicia neste sábado vacinação conra febre aftosasegunda etapaGoverno inicia neste sábado vacinação conra febre aftosaMulheres são responsáveis por 37,3% dos lares; em MS participação é menorpesquisaMulheres são responsáveis por 37,3% dos lares; em MS participação é menorIPPProdutos têm inflação de 0,94% na saída das fábricas em setembroO IPP mede as mudanças nos preços de oferta de um determinado paísGASTOS ELEVADOSGoverno Central tem deficit de R$ 20,4 bilhões em setembroO resultado primário é definido pela diferença entre receitas e despesas
 Últimas Notícias  


  • Assinaturas:
    • (67) 3323-6100
  • Publicidade:
    • (67) 3320-0023
    • (67) 3323-6090
  • Empresa:
    • (67) 3323-6090
    • (67) 3323-6059
 Plataforma Desenvolvimento© Correio do Estado S/A. Todos os Direitos Reservados.