Receita Federal abre hoje consulta
ao 4º lote de restituição

PRIMEIRAEDICAO.COM11 de Setembro de 2012 | 07h18

A Receita Federal libera, a partir das 9h de hoje (11), a consulta ao quarto lote de restituição do Imposto de Renda. No lote, também há restituições para quem caiu na malha fina em 2011, 2010, 2009 e 2008. Serão depositados, no total, R$ 1,8 bilhão, sendo que mais de R$ 1,73 bilhão se referem ao exercício de 2012.

Considerando todos os lotes, 1.958.382 contribuintes receberão restituição. O dinheiro será depositado na conta bancária fornecida pelo contribuinte no próximo dia 17.

Para saber se teve a declaração liberada, é preciso acessar a página da Receita na internet ou ligar para o Receitafone (146).

Para o lote de 2011, um total de 17.450 contribuintes receberão restituições que somam mais de R$ 41 milhões, enquanto 6.279 pessoas que ainda têm a receber do lote residual de 2010 receberão um total superior a R$ 12,9 milhões.

Em relação ao lote do exercício de 2009, serão creditadas restituições para 4.193 contribuintes, totalizando R$ 9.221.972,33. Por fim, referente ao lote residual de 2008 um total de 2.203 pessoas receberão R$ 4,5 milhões.

Até agora, foram liberados três lotes com mais de 6,5 milhões de declarações no valor total de R$ 7.063.691.970,36. Em 2012, a Receita recebeu mais de 25,2 milhões de declarações.

Os contribuintes que não entraram nas relações de restituições liberadas até o momento devem verificar no extrato da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2012 eventuais pendências e se existem motivos para a retenção em malha fina.

O documento está disponível no Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte (e-CAC). Para acessá-lo, é necessário usar o código de acesso gerado na própria página da Receita, ou o certificado digital emitido por autoridade habilitada. Para gerar o código, o contribuinte precisará informar o número do recibo de entrega das declarações de Imposto de Renda dos dois últimos exercícios. Caso encontre algum erro, a regularização poderá ser feita por meio do e-CAC.

Caso a restituição não seja creditada no banco, o contribuinte poderá entrar em contato com qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento da instituição por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (pessoas com deficientes auditivos), para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.
 

Comentários
Mais de EconomiaPrefeitura de Campo Grande quer arrecadar mais <br> de R$ 40 milhões com RefisIPTUPrefeitura de Campo Grande quer arrecadar mais
de R$ 40 milhões com Refis
NegóciosCaravana de Eldorado participou da Feira do Empreendedor Uma caravana formada por 15 empresários de Eldorado participou da Feira do Empreendedor do Sebrae-MS, realizada do...Débito não autorizado é a principal queixa de clientes
de bancos e financeiras
Dessas queixas, 93 foram registradas contra o Santander, 79 contra a Caixa Econômica Federal e 69 contra o Banco do Brasil
Estado amplia em 42% produção de pescado neste anoAUMENTOEstado amplia em 42% produção de pescado neste ano
 Últimas Notícias  


  • Assinaturas:
    • (67) 3323-6100
  • Publicidade:
    • (67) 3320-0023
    • (67) 3323-6090
  • Empresa:
    • (67) 3323-6090
    • (67) 3323-6059
 Plataforma Desenvolvimento© Correio do Estado S/A. Todos os Direitos Reservados.