Inconformado com separação, homem sequestra ex-mulher

GABRIEL MAYMONE13 de Outubro de 2013 | 10h10
Perfil News Perfil News

Joaquim de Almeida Matta, de 61 anos, foi preso ontem (12) pela Polícia Militar depois de ameaçar, roubar e sequestrar a ex-mulher, 60, e a irmã dela, 61, em Aparecida do Taboado (MS). O motivo seria porque ele não aceitava o fim do relacionamento.

A vítima estaria separada do autor há aproximadamente dois meses. Ela estava morando em Campo Grande e teria ido ao município do Bolsão para pegar alguns pertences. Ela estava acompanhada da irmã.

Sem aceitar a separação, Joaquim teria apontado um revólver para a vítima e, ameaçando de morte, roubou a bolsa dela, com uma quantia de R$ 520 e ordenou que ela dirigisse até Três Lagoas.

Durante todo o percurso, o suspeito manteve a arma de fogo na cabeça das vítimas e, ao chegarem à estação rodoviária de Três Lagoas, no Bairro Santo André, Joaquim liberou uma das vítimas, momento em que a ex-mulher dele, aproveitou a porta do carro aberta e também fugiu.

Em seguida, as vítimas acionaram a Polícia Militar e depois de repassada as características dele às demais viaturas operacionais, os militares da Rotai abordaram o suspeito no cruzamento das ruas Elmano Soares com a Manoel Ferreira da Rocha.

Durante abordagem, os policiais encontraram na cintura do autor a arma usada no sequestro, com cinco munições intactas, além de R$ 5.183 em espécie, cartões de banco e quatro lâminas de cheques.

Diante dos fatos, Joaquim foi detido e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil para onde foi autuado.

As informações são do Perfil News.

Comentários
Mais de Taylor Swift é escalada para a nova temporada do CANTORATaylor Swift é escalada para a nova temporada do "The Voice"Acusado de matar cartunista Glauco é preso suspeito de latrocínioCAPTURADOAcusado de matar cartunista Glauco é preso suspeito de latrocínioErasmo Carlos revela que vai processar Tiririca por paródiaCAMPANHAErasmo Carlos revela que vai processar Tiririca por paródiaAtos racistas são propositais, diz presidente do GrêmiotorcidaAtos racistas são propositais, diz presidente do Grêmio
 Últimas Notícias  


  • Assinaturas:
    • (67) 3323-6100
  • Publicidade:
    • (67) 3320-0023
    • (67) 3323-6090
  • Empresa:
    • (67) 3323-6090
    • (67) 3323-6059
 Plataforma Desenvolvimento© Correio do Estado S/A. Todos os Direitos Reservados.