Segunda, 24 de Julho de 2017

Conservantes

Comida industrializada pode causar câncer

30 ABR 2011Por Terra06h:30

O Instituto Nacional do Câncer (Inca) diz que pelo menos 500 mil brasileiros terão câncer em 2011. Serão 11 mil casos a mais do que em 2010.

E um dos hábitos que contribuem para o surgimento do câncer é a alimentação com excesso de produtos industrializados, como os embutidos – linguiças, salsichas, mortadelas. Construir a base de seu cardápio com esses itens não é o mais recomendado, ainda mais se houver deficiência no consumo de frutas, legumes e verduras. “Conservantes, corantes e estabilizantes são objeto de estudo de várias pesquisas que ligam seu consumo ao surgimento da doença”, explica o nutrólogo Maximo Asinelli, especialista em nutrologia, vigilância sanitária e epidemiologia.

Com base nas causas do câncer, especialistas desenvolvem tecnologias que buscam reduzir a necessidade do uso de aditivos químicos pelas indústrias. A empresa italiana de alimentos DelSanto, por exemplo, usa uma técnica que dispensa o uso de qualquer substância química. “Os vegetais e hortaliças em conserva passam por um severo processo de esterilização e pasteurização”, diz o empresário Alexander Bonetti, da San Marco Alimentos, que traz os alimentos da DelSanto para o Brasil. “E depois são embalados em potes de vidro ou sachês de alumínio, também esterilizados.”

Ao passar pela esterilização, as hortaliças e vegetais têm suas propriedades preservadas, como a textura, cor e sabor. Para o Dr. Maximo Asinelli, ter à disposição alimentos sem substâncias químicas é uma tendência que cresce no mundo inteiro. “Estudos científicos comprovam cada vez mais os malefícios dos conservantes, então a indústria tem de começar a mudar a maneira de processar os alimentos para garantir seu futuro.”
 

Leia Também