Bebê nasce com duas cabeças no Pará; é o segundo caso no Brasil

DIáRIO ONLINE, DO PARá20 de Dezembro de 2011 | 15h52
Alex Ribeiro Alex Ribeiro

O bebê de duas cabeças que nasceu na madrugada de ontem (19), no município de Anajás, no Marajó, chegou a Belém no início da tarde de hoje (20) e está sob os cuidados de pediatras da UTI Neonatal da Santa casa de Misericórdia do Pará. A mãe e filho passam bem e conseguem se alimentar normalmente. 

Segundo o médico obstetra José Brasil, que fez o parto, a mãe da criança fez o pré-natal, mas não se submeteu a exames de ultrassonografia durante a gestação. Ela tem 23 anos e mora no interior do Baixo Anajás, localidade do Timbó.

Mãe de três filhos, ela chegou ao Hospital Municipal no início da noite de anteontem e, após alguns procedimentos, optou pela cirurgia de cesariana. “Caso não fosse feito este procedimento certamente a criança nasceria morta”, afirma o médico.

Em conversa com o Diário, José Brasil informou que as duas cabeças da criança são unidas pelo tronco. Os primeiros exames revelaram que a criança tem um só coração e os órgãos vitais funcionando em plenas condições. “É impressionante o apetite do menino”, declarou o médico.

Segundo Caso
Nesse ano, esse é o segundo caso registrado no Brasil. O primeiro aconteceu na zona rural de Ingá, em um sitio da Serra Verde, em Campina, na Paraíba. Uma mulher de 27 anos deu à luz uma criança com duas cabeças. O bebê, contudo, morreu horas depois do parto por falta de oxigênio em uma das cabeças. (DOL, com informações do Diário do Pará)
 

Comentários
Mais de Brasil/MundoAdvogado desiste de defender torcedora suspeita de injúria racialGremistaAdvogado desiste de defender torcedora suspeita de injúria racial'Ela não se lembra de nada', <br>diz irmão de mulher agredida com cotoveladaVIOLÊNCIA'Ela não se lembra de nada',
diz irmão de mulher agredida com cotovelada
Grêmio entrega à polícia imagens que podem ajudar <br> a identificar torcedoresRACISMOGrêmio entrega à polícia imagens que podem ajudar
a identificar torcedores
JJ3307Seguradora da TAM quer reaver valor indenizatório A Itaú Seguros, empresa seguradora da companhia aérea TAM, quer ser ressarcida pelo pagamento de...
 Últimas Notícias  


  • Assinaturas:
    • (67) 3323-6100
  • Publicidade:
    • (67) 3320-0023
    • (67) 3323-6090
  • Empresa:
    • (67) 3323-6090
    • (67) 3323-6059
 Plataforma Desenvolvimento© Correio do Estado S/A. Todos os Direitos Reservados.