APÓS DENÚNCIAS

Netflix rompe com Kevin Spacey e cogita 'matar' personagem em 'House of Cards'

4 NOV 2017 • POR Veja SP • 20h00
Keven Spacey, de House of cards: carreira implodida - Divulgação

Até uma semana atrás um dos maiores atores do mundo, Kevin Spacey viu sua carreira implodir após uma série de denúncias de assédio sexual. O ator e produtor de House of Cards, série-marco na história do servido de streaming do Netflix,recebeu um novo revés. Na madrugada deste sábado (4), o Netflix emitiu um comunicado dizendo não mais trabalhar com o protagonista de House of Cards.

Como a sexta temporada já estava em fase de produção e gravação, não se sabe ao certo o que será feito. A principal suspeita é de que o personagem Frank Underwood seja morto.

“A Netflix não estará envolvida e não continuará com a produção [da 6ª temporada] de House of Cards com Kevin Spacey. Continuaremos a trabalhar com a MRC durante este período para avaliar a melhor forma de seguir com a série. Também decidimos que não vamos mais veicular o filme ‘Gore’, que está em pós-produção, estrelado e produzido por Kevin Spacey”

A Media Rights Capital, a MRC, é a produtora de House of Cards. Em um comunicado, a MRC afirmou saber do comportamento do ator desde 2012, quando um integrante da produção fez uma denúncia contra Spacey. À época, ele teria sido chamado advertido para que episódios do tipo não se repetissem. Diante das denúncias em série, ficou claro que não cumpriu.