Sábado, 10 de Dezembro de 2016

PREPARAÇÃO

Vasco manterá mais de 80% do
elenco e pensa em novo técnico

27 NOV 2016Por FOLHAPRESS15h:27

Embora tenha sido um elenco que sofreu críticas no segundo semestre, o Vasco não deverá fazer grandes mudanças para a próxima temporada, onde estará de volta à Série A do Brasileiro. A tendência é que mais de 80% do elenco permaneça em São Januário.

Um dos motivos que levam a esta situação são os longos contratos firmados e outros que foram renovados no decorrer de 2016, casos de Jorge Henrique, Diguinho, Julio Cesar, Jordi, entre outros.

A principal mudança poderá acontecer na comissão técnica, já que Jorginho tem o trabalho desgastado. A diretoria já trabalha com o nome de Cristóvão Borges, com Vanderlei Luxemburgo tendo lobby e correndo por fora.

Entre os jogadores que estão para sair, quem encabeça a lista é o meia Fellype Gabriel, que veio de uma série de lesões do Palmeiras e não conseguiu obter uma sequência no Vasco. Ele será emprestado ao Boavista para o Campeonato Carioca.

O time de Saquarema também deverá ser o destino de Leandrão. Caso isto se concretize, este será o segundo empréstimo do atacante para lá.

O zagueiro Aislan, com contrato se encerrando no fim deste ano, é outro que está fora dos planos. O defensor não foi bem nas vezes em que teve oportunidade.

O caso do volante William, também com vínculo no fim, será avaliado pela diretoria. Já o jovem atacante Thalles está com sua renovação bem encaminhada.

REFORÇOS

O Vasco tinha encaminhado o acerto de seu primeiro reforço para 2017: tratava-se do volante Pedro Bambu, de 29 anos, campeão da Série B pelo Atlético-GO. O clube, porém, não gostou do vazamento da informação antes do término da competição e, a princípio, suspendeu a contratação.

O Cruzmaltino também tem interesse no atacante Luís Fabiano (sem clube) e nos meias Thiago Neves (Al-Jazira-EAU) e Zé Rafael (Londrina).

Leia Também