Terça, 27 de Setembro de 2016

Lamentável

Time do Trujillanos sofre sequestro-relâmpago após jogo na Venezuela

21 SET 2016Por Sportv.com12h:17

O aumento da violência, que assusta a população da Venezuela, chegou ao futebol local. Os jogadores do Trujillanos foram alvo de um sequestro-relâmpago na madrugada desta segunda-feira. Os atletas e integrantes da comissão técnica ficaram sob o poder de criminosos por cerca de duas horas e meia. Eles foram ameaçados por seis homens armados e tiveram objetos de valor roubados.

Após a derrota da equipe por 2 a 1 para o Monagas, no último domingo, pelo Campeonato Venezuelano, o ônibus do clube foi abordado por homens armados na região de Boca de Uriche, no estado de Anzoátegui. O motorista teve que desviar o veículo da estrada.

- O ônibus foi desviado por 1,5 km. Nos roubaram absolutamente tudo: câmeras, laptops, uniformes, bolas. Os jogadores ficaram retidos por 2h35min. Ameaçaram que se o ônibus tivesse GPS ou se estivesse sendo escoltado, detonariam granadas para não deixar evidências. Condenamos estes fatos lamentáveis, que prejudicam o desenvolvimento do futebol venezuelano - afirmou o clube por uma rede social.

A Associação dos Clubes Profissionais da Venezuela divulgou comunicado pedindo que as autoridades garantam a segurança nas estradas.

Um dos principais clubes do país, o Trujillanos disputou a última edição da Taça Libertadores, quando enfrentou o São Paulo na primeira fase (empate de 1 a 1 na Venezuela e goleada tricolor por 6 a 0 no Morumbi).

Leia Também