Sexta, 30 de Setembro de 2016

Eliminado

São Paulo vence, mas Juventude
leva vaga na Copa do Brasil

23 SET 2016Por FOLHAPRESS07h:%i

O São Paulo ficou a um gol da classificação para as quartas de final da Copa do Brasil. A vitória por 1 a 0 em cima do Juventude não foi suficiente, pois o clube perdeu o jogo de ida por 2 a 1.

Apesar da quarta vitória fora de casa no ano, o São Paulo não fez o suficiente para vencer por dois gols de diferença o adversário que disputa a Série C do Brasileiro.

A primeira etapa foi de jogo muito feio no estádio Alfredo Jaconi. O time tricolor esteve apático e sem empolgação para um time em busca da vaga.

Aos 11min, levou o primeiro susto com uma pancada de Robson, que parou na trave esquerda de Denis.
O São Paulo encontrava muitas dificuldades no ataque. Não conseguia criar boas jogadas e faltava aproximação dos volantes com os jogadores de frente.

Com os três volantes em noite de pouca inspiração, ficava difícil trabalhar bem a bola no campo de ataque.
Mesmo tendo o controle maior da partida, o time visitante pecava pela grande quantidade de passes errados no meio de campo que, na maioria das vezes, originavam contragolpes perigosos do Juventude.
A jogada mais incisiva do São Paulo ocorreu só aos 26min, quando Cueva cobrou uma falta e deu trabalho para o goleiro Elias.

Ricardo Gomes mudou o time no intervalo. Abdicou do esquema com três volantes, tirando Wesley, e colocou Gilberto em campo.

Logo aos 4 min, o técnico são-paulino precisou mexer de novo porque Kelvin se machucou. Luiz Araújo foi o escolhido para entrar.

Ainda que o São Paulo tenha ficado um pouco mais leve, não houve nenhuma perspectiva de reação.
A equipe rodava e rodava a bola na entrada da área do Juventude, mas não conseguia criar boas jogadas.
A solução foi, então, buscar as laterais. Bruno, com características ofensivas, foi o responsável por cruzar a bola que originou o gol de Rodrigo Caio, aos 23 min – a posição do zagueiro era irregular.
Com a vantagem, o São Paulo cresceu na partida. Sete minutos depois, Rodrigo Caio teve outra chance de cabeça. Desta vez, Elias salvou.

Totalmente no ataque, o time paulista foi para o tudo ou nada. Mesmo com muitos cruzamentos, o gol não saiu.

Os jogadores do São Paulo reclamaram de um toque de mão de Bruninho dentro da área no penúltimo minuto. No seguinte, Klaus teve chance de empatar em lance cara a cara com Denis, que salvou.

Leia Também