Sábado, 03 de Dezembro de 2016

DECISÃO JUDICIAL

Justiça determina bloqueio ao Santos de 10% da venda de Gabigol

17 OUT 2016Por FOLHAPRESS15h:11

A Justiça de São Paulo determinou que o Santos deposite em juízo 10% do valor da negociação do atacante Gabriel Barbosa, o Gabigol (cerca de R$ 10 milhões). A decisão judicial ocorre com base em ação movida pelo empresário Candido Padin Neto. Cabe recurso ao Santos.

Os direitos econômicos do atacante foram vendidos para a Inter de Milão no fim de agosto. O time italiano se comprometeu a pagar 29 milhões de euros (cerca de R$ 102 milhões na cotação atual).

No processo, Padin Neto afirma ter documentos firmados com o Santos que assegurariam ao agente o repasse de 10% do valor de qualquer transação envolvendo Gabigol.

O empresário diz ter conhecido Gabigol em 2004, quando o atleta era criança. Desde então, o agente teria dado suporte financeiro à família. Na assinatura do contrato profissional com o Santos, Padin Neto comunica que havia conseguido com o Santos o direito de receber 10% de futuras transações.

O Santos tem dois dias para fazer o depósito em juízo, sob pena de multa em caso de descumprimento da ordem judicial.

Leia Também