Domingo, 04 de Dezembro de 2016

F1

Hamilton domina Rosberg e garante a pole para final em Abu Dhabi

26 NOV 2016Por globoesporte.com.br13h:15

Sem depender de si para ser tetracampeão neste domingo, Lewis Hamilton chegou ao circuito de Yas Marina determinado a fazer a sua parte e jogar a pressão para seu companheiro de Mercedes e rival na briga pelo título, Nico Rosberg. E assim fez no treino classificatório deste sábado para o GP de Abu Dhabi, que encerra a temporada 2016. Sem dar chances ao alemão, o britânico conquistou a pole position com folga, com o tempo de 1m38s755.

Precisando apenas de um terceiro lugar para alcançar a taça inédita, o líder do campeonato Rosberg foi cauteloso: anotou 1m39s058, longe do tempo do adversário, mas o suficiente para garantir o segundo lugar no grid de largada.  A TV Globo transmite o GP de Abu Dhabi ao vivo neste domingo, a partir das 11h (de Brasília). O SporTV exibe a coletiva de imprensa e o VT da corrida logo na sequência.

A esperança de Hamilton é que os pilotos de RBR e Ferrari possam se intrometer entre ele e Rosberg para ajudar nas combinações que lhe renda o título. Mas no qualifying deste sábado, as duas equipes não chegaram a ameaçar as Flechas de Prata. Daniel Ricciardo foi o terceiro (1m39s589), Kimi Raikkonen o quarto (1m39s604), Sebastian Vettel o quinto (1m39s661) e Max Verstappen o sexto (1m39s818).

Em seu último treino classificatório na Fórmula 1, Felipe Massa, que se despede da categoria neste domingo, conseguiu levar a Williams ao Q3 e ficou com a décima colocação (1m41s213). Seu companheiro Valtteri Bottas, por sua vez, não teve a mesma capacidade e parou no Q2, em 11º. Outro que está dando adeus à F1 neste fim de semana, Jenson Button ficou com o 12º lugar.

Já Felipe Nasr, ainda de olho em um cockpit para 2017, por pouco não avançou ao Q2. O brasiliense da Sauber chegou a figurar com a última vaga para a segunda parte da classificação, mas acabou empurrado para a zona de eliminação nos segundos finais do Q1, terminando em 19º, com 1m42s247. Seu companheiro de equipe, Marcus Ericsson ficou aquém do brasileiro. O sueco errou a última tentativa de volta rápida e terminou na 22ª e última posição do grid, com 1m42s637.

Hamilton abriu o treino com o melhor tempo no Q1, 1m39s487. Rosberg avançou apenas em quinto, atrás de Raikkonen, Vettel e Verstappen. Massa classificou-se para o Q2 com tranquilidade, na 9ª posição, à frente de Bottas, o 11º. Já Nasr esteve com a última vaga até os segundos finais, mas acabou superado e foi eliminado, em 19º. Seu companheiro Ericsson fez o pior tempo do Q1 e terminou em último. A grande decepção da primeira parte da sessão ficou por conta da STR. Com problemas crônicos nos carros durante todo o fim de semana, Kvyat e Sainz deixaram a atividade precocemente em 17º e 21º. Outros que não avançaram foram Magnussen e Ocon. Os destaques positivos ficaram por conta de Wehrlein e Palmer, que abocanharam uma vaga no Q2, apesar das limitações dos carros da Manor e da Renault, respectivamente.

-  Encaixei uma volta boa, mas o único problema foi uma falha no motor, que tirou uns 0s2 da gente. Ainda sim não teria dado para passar para o Q2. O nosso foco é lutar amanhã para não deixar a Manor passar - disse Nasr, em entrevista à TV Globo.

Eliminados no Q1:
17º - Daniil Kvyat (STR) - 1m42s003
18º - Kevin Magnussen (Renault) - 1m42s142
19º - Felipe Nasr (Sauber) - 1m42s247
20º - Esteban Ocon (Manor) - 1m42s286
21º - Carlos Sainz (STR) - 1m42s393
22º - Marcus Ericsson (Sauber) - 1m42s637

Q2 - 15 MINUTOS / SEIS PILOTOS SÃO ELIMINADOS

Hamilton seguiu ditando o ritmo no Q2. Com o tempo de 1m39s382, o inglês viu Rosberg ficar em segundo, 108 milésimos atrás. Raikkonen, Verstappen, Vettel e Ricciardo vieram a seguir. Destaque para Massa, que anotou 1m40s858 e conseguiu uma vaga no Q3, avançando na nona colocação, enquanto seu companheiro Bottas acabou eliminado, em 11º, com 1m41s084, a 186 milésimos do brasileiro. Alonso foi outro que mereceu menção honrosa, assegurando a 10ª e última vaga no Q3. Além de Bottas, foram eliminados Button, Gutiérrez, Grosjean, Palmer e Wehrlein. Destaque positivo para a Force India, que emplacou seus dois pilotos no Q3.

Eliminados no Q2:
11º - Valtteri Bottas (Williams) - 1m41s084
12º - Jenson Button (McLaren) - 1m41s272
13º - Esteban Gutiérrez (Haas) - 1m41s480
14º - Romain Grosjean (Haas) - 1m41s564
15º - Jolyon Palmer (Renault) - 1m41s820
16º - Pascal Wehrlein (Manor) - 1m41s995

Q3 - DEZ PILOTOS DISPUTAM A POLE

Hamilton foi o primeiro a marcar tempo no Q3. Já pisando forte no acelerador, anotou 1m39s013, melhor tempo do fim de semana até então. Rosberg veio a seguir e marcou 1m39s359, passando 0s346 acima. Raikkonen, Ricciardo, Verstappen e Vettel apareciam na sequência, sem incomodar as Mercedes. 

Como de costume, com cerca de cinco minutos para o fim do Q3, os pilotos voltaram aos boxes para colocar novos jogos de pneus para suas últimas tentativas de voltas rápidas. E no apagar dos cronômetros, Hamilton cravou 1m38s755, para não dar chances para Rosberg. O alemão, que vinha logo atrás, passou longe, fazendo 1m39s058, 0s303 acima do britânico. Ricciardo desbancou Raikkonen e ficou com o terceiro posto. Vettel vingou a Ferrari e tomou o quinto lugar de Verstappen. Massa não forçou e acabou em 10º, com 1m41s213.

Resultado do Q3:
1º - Lewis Hamilton (Mercedes) - 1m38s755
2º - Nico Rosberg (Mercedes) - 1m39s058
3º - Daniel Ricciardo (RBR) - 1m39s589
4º - Kimi Raikkonen (Ferrari) - 1m39s604
5º - Sebastian Vettel (Ferrari) - 1m39s661
6º - Max Verstappen (RBR) - 1m39s818
7º - Nico Hulkenberg (Force India) - 1m40s501
8º - Sergio Pérez (Force India) - 1m40s519
9º - Fernando Alonso (McLaren) - 1m41s106
10º - Felipe Massa (Williams) - 1m41s213

Leia Também