Sexta, 24 de Novembro de 2017

FUTEBOL EUROPEU

Eliminação precoce do City ameaça permanência de 18 jogadores, diz jornal

16 MAR 2017Por FolhaPress10h:39

A eliminação precoce do Manchester City, nas oitavas de final da Liga dos Campeões, e as chances de título inglês bem reduzidas - está a 10 pontos do Chelsea - devem levar a uma remontagem completa do elenco para a próxima temporada.

De acordo com o jornal inglês The Guardian, 18 jogadores correm o risco de deixar o clube. Seja por não terem seus contratos renovados, seja pelo interesse do clube em negociá-los.

Em julho, ficarão sem contrato: Yaya Touré, Gaël Clichy, Pablo Zabaleta, Willy Caballero, Jesús Navas, Bacary Sagna e Tosin Adarabioyo. Joe Hart, Eliaquim Mangala, Samir Nasri, Wilfried Bony e Jason Denayer, que estão emprestados a outros clubes também terão seus vínculos encerrados.

Além disso, a publicação coloca em dúvida o futuro de Sergio Agüero, Vincent Company e Aleksandar Kolarov e praticamente dá como certa as saídas de Fabian Delph, Fernando e Kelechi Iheanacho.

O jornal informa que a mudança deve começar pelo sistema defensivo, com o desejo de Pep Guardiola em contratar ao menos três defensores. O técnico teria 150 milhões de libras (R$ 575,48 milhões) para gastar em reforços.

Leia Também