Quarta, 26 de Abril de 2017

Natação

Dono de sete medalhas olímpicas, Grant Hackett é encontrado após colapso

16 FEV 2017Por Globoesporte.com14h:06

Ex-nadador Grant Hackett foi encontrado a salvo após ser dado como desaparecido na madrugada de quarta para quinta-feira, informou o pai do ex-atleta, Neville Hackett. O australiano de 36 anos, dono de sete medalhas olímpicas (três de ouro, três de prata e uma de bronze), vem sofrendo nos últimos anos com o vício em drogas e álcool.

Grant foi encontrado com vida e sóbrio. Ele entrou em contato com a polícia. Na verdade ele está se escondendo porque está muito envergonhado de tudo que aconteceu – informou o pai de Grant, e explicou que entrou em contato com a polícia quando deu falta do filho.

Hackett foi preso pela polícia de Gold Coast na última quarta-feira após ter um colapso na casa da família. Poucas horas depois, o ex-nadador foi solto, mas os pais disseram que ele desapareceu. Neville Hackett movimentou autoridades e a mídia para tentar localizar o filho.

A comunidade esportiva australiana reagiu ao incidente. O presidente do Comitê Olímpico Australiano (COA), John Coates, se mostrou preocupado com a situação do ex-nadador e ofereceu suporte ao atleta através do comitê.

Isso é muito chocante e surpreendente. Estou muito preocupado com ele e com a família. Grant Hackett é um de nós. Ele é um atleta olímpico, um dos grandes da história. Vamos dar a ele todo o apoio que pudermos – disse Coates, ao jornal "Sydney's Daily Telegraph".

Tido um dos grandes nadadores fundistas da história dos jogos olímpicos, Grant Hackett venceu os 1500m livre duas vezes consecutivas, nos jogos de Sydney 2000 e Atenas 2004. Em Sydney, Hackett conquistou também o ouro no revezamento 4x200m livre. O australiano se aposentou após os jogos olímpicos de Pequim, em 2008, quando conquistou a prata nos 1500m livre e o bronze no revezamento 4x200m livre.

O australiano manteve o recorde mundial dos 1500m por dez anos, de 29 de julho de 2001 até 31 de julho de 2011, quando a marca foi quebrada pelo chinês Sun Yang, no campeonato mundial de Shangai, na China.

 

Leia Também