Quarta, 28 de Setembro de 2016

TEMPORADA 2016/17

Campo Grande recebe 1 ª etapa do circuito brasileiro de vôlei de praia

23 SET 2016Por RAFAEL BUENO07h:27

Tudo pronto, a arena foi montada. Após seis anos, Campo Grande volta a receber uma etapa do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia - a primeira da temporada 2016/17. Entre as 32 duplas que vão à quadra hoje, três são formadas com atletas sul-mato-grossenses:  Talita Antunes (Aquidauana), Saymon Barbosa (Campo Grande) e Victória Lopes (Ivinhema). 

Ao lado da capixaba Larissa, Talita entra em quadra às 9h, contra Izabel (PA) e Tainá (SE). A aquidauanense tenta reencontrar o caminho da vitória. Favorita ao ouro olímpico, a sua dupla ficou em 4º lugar no Rio 2016. Na semana passada, as duas também deixaram escapar o bronze na etapa Mundial, no Canadá.

Logo mais, às 11h, será a vez de Saymon estrear em quadra ao lado do novo parceiro Álvaro (PB). “Estamos treinando há duas semanas e meia. O entrosamento vai decorrer naturalmente nas competições”, avalia Saymon. Os dois enfrentam hoje os paranaenses Arthur e Eduardo.

Ao lado do antigo parceiro Guto (RJ), Saymon tem três pódios no circuito nacional. Um deles, o primeiro lugar na etapa de Brasília, em agosto de 2015. “Vou em busca do meu segundo ouro. Em casa vai ser uma pressão a mais, com a família na arquibancada”, destaca.

ESTREANTE

Embalada com dois ouros consecutivos na categoria Sub-19 (para atletas de base), a jovem Victória, 17 anos, fará sua estreia na elite do vôlei de praia brasileiro. “Um super presente de aniversário, o que mais queria era chegar no Open”, diz Victória, que comemorou nova idade na semana passada.

Ela jogará ao lado de Sandressa (AL). A partida será, às 9h, contra as veteranas Taiana e Juliana, do Ceará. “Ela (Juliana) é minha inspiração, medalhista olímpica. Agora vou jogar  contra, a ficha ainda não caiu”, admite a atleta de Ivinhema.

ENTRADA

As disputas começam hoje, a partir das 8h30min (MS), na arena montada no Parque das Nações Indígenas. A capacidade da área é para público de 1 mil pessoas. As entradas são gratuitas para 650 pessoas, por ordem de chegada.

Leia Também