Sábado, 18 de Novembro de 2017

PETROBRAS

Venda da fábrica de fertilizantes
pode ser fechada em novembro

Pelo menos 4 grupos apresentaram interesse

28 OUT 2017Por DA REDAÇÃO04h:00

Depois de três anos de paralisação, está prevista para novembro a conclusão do processo de venda da Unidade de Fertilizantes Nitrogenados III (UFN-III), em Três Lagoas.

O processo de alienação do ativo foi iniciado no dia 11 de setembro e, nesta semana, a Petrobras deu início à fase não vinculante referente ao processo de alienação integral de sua participação acionária na UFN-III e na Araucária Nitrogenados S.A (Ansa), no Paraná.

A nova etapa do processo, que permite oferta de compra pelas plantas sem que haja obrigação de venda pelo preço ofertado, foi comunicada ao mercado nesta sexta-feira, pela estatal.

De acordo com a Petrobras, nesta etapa do projeto, os interessados habilitados na fase anterior, que se encerrou no dia 13 deste mês, “receberão um memorando descritivo contendo informações mais detalhadas sobre os ativos em questão, além de instruções sobre o processo de desinvestimento, incluindo as orientações para elaboração das propostas não vinculantes”.

De acordo com informações da Prefeitura de Três Lagoas, pelo menos quatro grupos apresentaram interesse pela fábrica, cuja construção foi parada em dezembro de 2014, com 80% do projeto executado.

Entre essas empresas, a China National Petroleum Corporation (CNPC) estaria na liderança das negociações, tendo até um pré-acordo para pagar antigas dívidas e retomar a obra.

Porém, também estaria na disputa a Yara, player norueguês que está de olho no mercado de fertilizantes no País, e a própria Sinopec, empresa chinesa que participou da construção da fábrica em Três Lagoas e atua no ramo de fertilizantes. 

À Prefeitura de Três Lagoas, o senador Pedro Chaves (PSC) informou que em 30 dias o processo já deve ter uma definição quando, então, abre prazo para recursos.

*Leia reportagem, de Renata Prandini, na edição de sábado/domingo do jornal Correio do Estado.

 

Leia Também