Domingo, 30 de Abril de 2017

EM BRASÍLIA

Temer pede que Petrobras atenda demandas de MS sobre ICMS do gás

Azambuja se reuniu com presidente em Brasília e saiu otimista sobre o caso

14 MAR 2017Por GLAUCEA VACCARI18h:07

Presidente da República, Michel Temer (PMDB), pediu hoje ao presidente da Petrobras, Pedro Parente, empenho total para atender demandas de Mato Grosso do Sul referentes ao ressarcimento ao Estado do ICMS do gás boliviano, importado pela estatal. Governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), se reuniu hoje com o presidente, em Brasília, e saiu do encontro otimista quanto a uma solução positiva sobre o caso.

No encontro, presidente indagou Azambuja sobre resultado de reunião com Parente, ocorrido na última sexta-feira (10), em São Paulo. Após relato do governador, que informou que a estatal ficou de se posicionar nesta semana, Temer telefonou para o presidente da petroleira e pediu empenho total na questão.

“Interesse pessoal do presidente por uma solução que minimize o impacto negativo da receita do Estado, com a redução do bombeamento do gás pela Petrobras, fortalece a nossa posição diante da medida unilateral da estatal”, disse o governador.

No encontro com Pedro Parente, Azambuja relatou o desiquilíbrio financeiro causado pela empresa aos cofres do Estado com a decisão de reduzir as importações do gás boliviano, gerando prejuízo acumulado de R$ 939 milhões, desde 2015, na arrecadação do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

Presidente da estatal reconheceu o impacto da medida ao Estado e prometeu posicionamento da Petrobras para esta semana. Expectativa é que solução a ser apresentada atenda aos interesses do Estado.

Leia Também