Domingo, 20 de Agosto de 2017

Campo Grande

Conselho aprova incentivos para indústrias, que devem gerar 128 vagas

Investimentos de R$ 18,8 milhões são para ampliação de indústrias na Capital

12 AGO 2017Por DANIELA ARRUDA14h:45

Cinco empresas tiveram incentivos fiscais aprovados pelo Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico (Codecon) para ampliar empreendimentos em Campo Grande, o que representa investimentos de R$ 18,8 milhões e geração de 128 empregos diretos. Os benefícios concedidos variam entre redução do Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN), sobre as obras de construção, e do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) por determinado período, até a doação de área pública.

Os processos foram apreciados durante reunião do Codecon no dia 17 de julho, recebendo aprovação para concessão de incentivos fiscais as empresas Campofer Ltda.,  Distribuidora de Alimentos Francisco Ikeda, Sertec Engenharia & Serviços Técnicos Automotivos Ltda., Transportadora Volce & Volce Ltda. e Fertiquímica Agrociências Ltda.

Entre elas, o projeto com maior volume de investimentos é o da Distribuidora de Alimentos Francisco Ikeda (R$ 12 milhões). Para fazer ampliação do empreendimento no Polo Empresarial Oeste, com previsão de gerar 50 postos de trabalho, a empresa receberá em contrapartida área de até 5 mil metros quadrados, redução do ISSQN sobre as obras de construção, de 5% para 2%, e redução de 30% do IPTU, por três anos.  

Com investimentos previstos de R$ 3,2 milhões para ampliação e relocalização e geração de 45 empregos, a Transportadora Volce & Volce será contemplada com redução da alíquota do ISSQN para 2%, decorrente de obras de construção do empreendimento; doação de área de terreno com até 20 mil metros quadrados; redução de 50% do IPTU por cinco anos; e qualificação da mão de obra a ser empregada no local por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (Sedesc), pela Fundação Social do Trabalho (Funsat).

MAIS EMPRESAS

Atuando na fabricação e no comércio varejista de adubos e fertilizantes, transporte rodoviário de cargas e locação de máquinas, a Fertiquímica Agrociências vai investir R$ 2,3 milhões na ampliação de sua unidade na Capital, situada no Polo Empresarial Oeste, com estimativa de gerar 10 empregos. De acordo com o parecer aprovado pelo Codecon, a empresa receberá como incentivos redução do IPTU de 50% por cinco anos, do ISSQN sobre as obras de construção para 2% e doação de área de 5 mil metros quadrados.

Também com incentivos fiscais aprovados pelos conselheiros – doação de terreno de até 7 mil metros quadrados, redução do ISSQN sobre as obras de construção, de 5% para 2%, redução do IPTU para 50% por cinco anos, recrutamento e seleção para mão de obra em parceria com a Funsat –, a Sertec Engenharia & Serviços Técnicos Automotivos prevê investimentos de R$ 2,1 milhões para ampliação e relocalização. Com o empreendimento, devem ser gerados 15 empregos.

Com investimentos previstos de R$ 1,5 milhão para ampliar sua fábrica no Polo Empresarial Paulo Coelho Machado, a Campofer Ltda., que atua na indústria e comércio varejista de produtos siderúrgicos, será contemplada com doação de área a ser indicada pelo município, além de redução de ISSQN decorrentes das obras de construção do empreendimento incentivado para 2%; redução em 50% do IPTU sobre o imóvel por 5 anos e contratação e qualificação da mão de obra a ser utilizada no empreendimento, em convênio com a Funsat.

Leia Também