Sexta, 20 de Outubro de 2017

novidade

Volkswagen lança caminhão
que pode ser dirigido com CNH B

18 SET 2017Por LEANDRO GAMEIRO18h:05

A quase um mês da maior feira de transporte do Brasil, a Fenatran, a Volkswagen apresentou a nova linha de caminhões Delivery com duas novidades: o modelo Delivery Express e o Delivery 13 toneladas, deixando a linha mais completa e atendendo à todas as necessidades, de 3.5 a 13 toneladas.

Sem dúvida, o modelo que mais chamou a atenção foi o Express, que tem tamanho de um caminhão comercial leve e pode ser dirigido por motoristas que tenham CNH categoria B. 

Com três versões para toda a linha, a de entrada é a City, a intermediária, Trend, e a topo, é Prime. Nos caminhões até 6 toneladas, a suspensão dianteira é independente e com sistema de molas helicoidais, tipo de picapes, o que deixa o caminhão mais macio e confortável.

O projeto, segunda a montadora, começou de dentro para fora: posição de dirigir, empunhadura do volante, regulagem de altura do banco, painel de instrumentos, porta-objetos e espaço suficiente para transitar no interior da cabine, indo do banco do motorista até o do passageiro de forma rápida. 

A cabine vem ainda com novo sistema de basculamento por meio de uma alavanca localizada em seu interior. De fácil acionamento, proporciona mais segurança e conforto em manutenções. 

No painel, navegando pelo display, o condutor poderá acompanhar informações do veículo, da viagem e do motor. Além disso, poderá configurar funções de conforto, como limpador de pára-brisa, travas elétricas e altura do som de alerta do painel de instrumentos.

Outra possibilidade existente é a de checar o bom funcionamento dos sistemas no menu "diagnose". A função econômetro é um destaque: indica se a direção está sendo econômica ou não, em termos de consumo de combustível. 

NOVOS MODELOS

Delivery Express – Sob medida para entregas urbanas, combinando a agilidade dos automóveis em manobras rápidas à robustez dos caminhões.

Pode ser guiado por motoristas com carteira de habilitação categoria B e trafegar em áreas onde a circulação de caminhões é restrita, característica dos grandes centros urbanos.

O rodado simples na traseira traz o benefício da cobrança de pedágio no valor de um automóvel. Tem motor Cummins ISF de 2,8 litros, com tecnologia de pós-tratamento de gases EGR, dispensando o Arla 32.

Alcança 150 cv e um torque máximo de 360 Nm, numa ampla faixa de rotações para garantir retomadas rápidas e agilidade nas entregas urbanas, com a melhor potência e torque da categoria.

Para este modelo, a Engenharia de Resende desenvolveu um set de airbags, tanto para o motorista como para os passageiros. Os airbags dos passageiros são os maiores da América Latina, com 160 litros, e associados aos cintos de segurança com pré-tensionadores, entrega alto padrão de segurança aos ocupantes. 

Delivery 4.150 – Com o modelo Ingressa, a VW Caminhões estreia em segmento antes não explorado pela fabricante, já contando com financiamento via Agência Especial de Financiamento Industrial do BNDES (Finame).

Ágil nas retomadas e confortável no andar, o Novo Delivery 4.150 tem motor Cummins ISF de 2,8 litros e 150 cv de potência, com sistema de pós-tratamento de gases EGR, dispensando o Arla 32.

A transmissão manual ESO-4106 combina com o conjunto de powertrain, conferindo também a melhor potência e torque da categoria. 

Delivery 6.160 – Não faltam atributos a um dos modelos, o Delivery 6.160, que já chega com a missão de manter a marca Volkswagen no topo do ranking de caminhões mais vendidos do Brasil.

Com a melhor manobrabilidade da categoria, o modelo conta com cabine ampla e confortável, caixa ESO-4206 de seis velocidades e motorização Cummins ISF de 2,8l.

A solução SCR para o pós-tratamento de gases e potência que chega a 160 cv, apresenta torque máximo de 430 Nm. Com importantes vantagens operacionais em relação à concorrência, confere agilidade a toda prova para as entregas urbanas que demandam maiores volumes de carga.

Delivery 9.170 – Cada componente do novo Delivery 9.170 foi desenvolvido com os mais inovadores materiais e o resultado é um modelo altamente sustentável, com redução de peso da ordem de 10% na comparação com seu antecessor e, consequentemente, mais economia de combustível, menos emissões e maior capacidade de carga.

Seu motor é o Cummins ISF de 3,8 litros e tecnologia SCR, com robustez ideal para cada aplicação, torque máximo de 600 Nm e 165 cv de potência. A transmissão manual é a ESO-6106, com seis velocidades, e o modelo contará ainda com transmissão automatizada. 

Delivery 11.180 - Indicado para entregas urbanas com agilidade, rapidez nos serviços rodoviários de curtas e médias distâncias, o novo Delivery 11.180 combina confiabilidade, robustez e o melhor desempenho da categoria.

É equipado com motor Cummins ISF, de 3,8 litros e tecnologia SCR, com torque máximo a 600 Nm e 175 cv de potência e transmissão manual ESO-6106. O modelo contará ainda com transmissão automatizada. 

Delivery 13.180 – Primeiro modelo equipado com terceiro eixo da nova família, é o caminhão com maior capacidade de carga da nova família Delivery.

Com robustez e flexibilidade sob medida, atende a diversas aplicações, tendo sido projetado de acordo com a legislação de circulação de Veículo Urbano de Carga (VUC) nas cidades onde há restrição de tráfego.

Com motor Cummins ISF, de 3,8 litros e tecnologia SCR, com torque máximo de 600 Nm e 175 cv de potência e transmissão manual ESO-6206, contará ainda com transmissão automatizada.

 
  • Foto: Divulgação
  • Foto: Divulgação
  • Foto: Divulgação
  • Foto: Divulgação

Leia Também