Sábado, 23 de Setembro de 2017

Correio Veículos

Jac aposta no SUV compacto
T40 para triplicar as vendas

Modelo chega com um grande arsenal de assistência à condução

5 AGO 2017Por G108h:42

Para a Jac, o pior já passou. A SHC, importadora da marca chinesa no Brasil, aposta que o seu novo SUV compacto de entrada, o T40, mudará a dura realidade dos últimos cinco anos, quando perdeu 85% das vendas – foi de 18 mil unidades em 2012 para menos de 2.700 em 2016. Nas projeções para este ano, a vendas já cresceriam quase 70%, indo a 4.500 unidades – um terço delas do T40. A lógica comercial do novo SUV compacto é a mesma seguida pelos demais modelos da marca: um carro completo, com muitos recursos de conforto e tecnologia, com um preço mais baixo que os concorrentes diretos. O Jac T40 chega a partir de R$ 56.990 e se dispõe a brigar com Honda W-RV, Citroën Aircross, Peugeot 2008 e também hatches aventureiros como Volkswagen CrossFox, Hyundai HB20X e Sandero Stepway, todos mais caros e menos equipados.

O T40 chega com um grande arsenal de assistência à condução, que pouco a pouco passa a ser oferecido nos modelos compactos, como controle de estabilidade e tração, assistente de partida em rampa, monitoramento da pressão dos pneus, sensor de luminosidade e de obstáculos traseiro. Tem ainda direção elétrica, controle de cruzeiro, trio elétrico, luzes diurnas de LED e rodas de liga leve aro 16. Um pack quase obrigatório aumenta o preço em R$ 2 mil e acrescenta kit multimídia com tela de 8 polegadas com câmara de ré acoplada e uma câmara frontal, instalada junto do retrovisor interno, que mantém um registro contínuo das últimas três horas – recurso que em muitos países rende bons descontos no custo do seguro dos automóveis. 

Um opcional, instalado nas concessionárias, é a carroceria em duas cores. Na verdade, trata-se de um mero envelopamento do teto na cor preta para a carroceria laranja e prata para a vermelha, que custa salgados R$ 1.990.

Reportagem completa está na edição de hoje do Correio Veículos. Clique aqui para acessar.

 
  • Eduardo Rocha/Carta Z Notícias
  • Eduardo Rocha/Carta Z Notícias
  • Eduardo Rocha/Carta Z Notícias
  • Eduardo Rocha/Carta Z Notícias
  • Eduardo Rocha/Carta Z Notícias
  • Eduardo Rocha/Carta Z Notícias
  • Eduardo Rocha/Carta Z Notícias
  • Eduardo Rocha/Carta Z Notícias
  • Eduardo Rocha/Carta Z Notícias

Leia Também