Sexta, 24 de Novembro de 2017

temporal

Rajadas de ventos fortes geram alerta
para defesa civil de 45 municípios

Maiores riscos são para queda de árvores e corte de energia elétrica

19 OUT 2017Por RODOLFO CÉSAR16h:29

Fortes ventos passaram a ser registrados em Campo Grande por volta das 16h desta quinta-feira (19). O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) divulgou por volta das 14h de hoje que rajadas de vento estão previstas para ocorrer não só em Campo Grande, mas principalmente nas regiões Sudoeste e Sul do Estado até domingo (22).

O alerta do instituto foi para 45 municípios de Mato Grosso do Sul e prevê que ventos intensos cheguem a 60 km/h, além de queda de granizo e chuva forte. No caso de Campo Grande, houve rajadas de 63,72 km/h.

Os riscos são principalmente para queda de árvores, corte de energia elétrica, estrago em plantações e até alagamentos.

De acordo com o boletim do Inmet, essas condições do tempo podem persistir até depois das 19h de hoje.

"As pancadas de chuvas, por vezes fortes, devem ocorrer em pontos isolados à tarde, especialmente no Sudoeste e Sul até o início da próxima semana. As chuvas mais intensas devem ocorrer no domingo. Essas são acompanhadas de rajadas de ventos", explicou a meteorologista Neide Oliveira, do Inmet. A previsão volume de chuva é de 20 a 30 mm/hora para hoje.

Moradores em Campo Grande relataram ao Portal Correio do Estado algumas das regiões da cidade onde os ventos foram mais fortes até por volta das 16h40. "Muito vento aqui na região do aeroporto", escreveu Cleusa Balbino. "Nova Campo Grande também", disse Gleice Azevedo.

Enquanto isso, Miro Dosom comentou que no bairro Santa Carmélia não houve registro de vento forte, nem de chuva. "Aqui na Santa Carmelia não passou vento. Por enquanto tudo em ordem."

EM DOURADOS

Um vendaval de poeira encobriu o céu de Dourados no fim da manhã de hoje (19). A tempestade de terra, que atingiu praticamente todas as regiões da cidade, causou um acidente na BR-463, derrubou árvores e assustou moradores.

De acordo com o sargento Edem Nascimento da Silva, do Corpo de Bombeiros, a poeira foi tanta que acabou atrapalhando a visibilidade de motoristas e causou um acidente envolvendo dois carros e um caminhão na BR-463, sentido Dourados/ Ponta Porã. Bombeiros foram para o local, onde uma vítima reclama de dores no tórax.

Ainda conforme os Bombeiros, pelos menos 10 árvores caíram durante o vendaval de terra, que durou cerca de 30 minutos e só deixou a cidade após uma chuva fraca.

A ocorrência mais grave registrada até às 13h40 foi no bairro Cachoeirinha, onde  uma árvore caiu em cima de um carro. Ninguém ficou ferido no local.

VÍDEO DE VENTANIA EM VICENTINA

Imagens foram capturadas por Geone Bernardo em Vicentina, por volta das 12h de hoje, e divulgadas pelo Cemtec/MS.

LISTA DE CIDADES SOB ALERTA

Anastácio 
Anaurilândia 
Angélica 
Antônio João 
Aparecida do Taboado 
Aquidauana
Bandeirantes 
Bataguassu 

Batayporã
Bela Vista
Bodoquena
Bonito
Brasilândia
Campo Grande
Caracol
Corguinho

Corumbá
Deodápolis
Dois Irmãos do Buriti
Douradina
Dourados
Fátima do Sul
Guia Lopes da Laguna
Inocência

Itaporã
Ivinhema
Jaraguari
Jardim
Ladário
Maracaju
Miranda
Nioaque

Nova Alvorada do Sul
Nova Andradina
Ponta Porã
Porto Murtinho
Ribas do Rio Pardo
Rio Brilhante
Rochedo
Santa Rita do Pardo

Selvíria
Sidrolândia
Terenos
Três Lagoas
Água Clara.

*Editada às 19h21 para acréscimo de informações.

 
  • Vendaval em Dourados. Foto: Divulgação
  • Vendaval em Dourados. Foto: Divulgação
  • Vendaval em Dourados. Foto: Divulgação
  • Vendaval em Dourados. Foto: Divulgação
  • Vendaval em Dourados. Foto: Divulgação
  • Campo Grande. Foto: Gerson Oliveira/Correio do Estado
  • Campo Grande. Foto: Gerson Oliveira/Correio do Estado
  • Campo Grande. Foto: Gerson Oliveira/Correio do Estado
  • Campo Grande. Foto: Gerson Oliveira/Correio do Estado

Leia Também