Sexta, 20 de Outubro de 2017

IGUATEMI

Proprietário de carvoaria é multado
e terá que pagar R$ 3,5 mil

Ele não tinha licença ambiental para manter negócio

13 AGO 2017Por Izabela Jornada13h:48

Proprietário de carvoaria em Iguatemi, que não possuía licença ambiental, foi autuado e multado em R$ 3.500,00. Ele será julgado por manter atividade potencialmente poluidora sem a autorização ambiental e pela madeira e carvão ilegais. O flagrante aconteceu neste sábado (12).

Policiais militares ambientais de Naviraí realizavam fiscalização ambiental no município de Iguatemi e localizaram, no Assentamento Auxiliadora, a carvoaria que funcionava de forma ilegal.

Nas proximidades dos seis fornos que havia no local, foram encontrados 2m³ de lenha nativa sem origem para ser processada e mais 24 m³ de carvão nativo sem origem.

O infrator, de 32 anos, responderá pelos crimes e poderá pegar pena de seis meses a um ano de detenção. A carvoaria foi interditada e foram apreendidos o carvão e a madeira.

Leia Também