Quarta, 28 de Setembro de 2016

REESOCIALIZAÇÃO

Prefeitura de Coxim terá presos do semiaberto trabalhando

Vara de Execução Penal do Interior foi criada se inspirando na Capital

22 SET 2016Por MARIANE CHIANEZI18h:19

Detentos do presídio de regime semiaberto de Coxim começarão a trabalhar para a Prefeitura Municipal. Determinação foi feita pela Vara de Execução Penal do Interior (VEP). Decisão tem o objetivo de ressocializar os internos e gerar economia aos cofres públicos.

De acordo com o Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, ação se espelhou em decisões de Campo Grande. A criação da VEP fez parceria de trabalho com a Prefeitura de Coxim, convênio que já existia, mas não era colocado em prática.

Serão contratados 10 presos inicialmente, mas a prefeitura visa ampliar o efetivo, visto que há a necessidade de manutenção de praças públicas e diversos espaços que podem ser beneficiados com a grande economia que o uso da mão de obra dos internos.

EM CAMPO GRANDE

O Parque das Nações Indígenas é mantido por presos há mais de 10 anos onde o Estado economiza, por ano, cerca de R$ 1 milhão. O poder público destaca que a essência do semiaberto na Capital é encaminhar presos ao mercado de trabalho não por carta de emprego e sim por convênios, o que garante maior fiscalização de que o detento esteja realmente cumprindo sua pena. 

Leia Também