Quinta, 21 de Setembro de 2017

CRIME AMBIENTAL

Pecuarista é multado por desmatar
3 hectares de cerrado sem autorização

Polícia Militar Ambiental flagrou irregularidades em propriedade rural

19 MAR 2017Por GABRIEL MAYMONE10h:43

Pecuarista, de 70 anos, foi multado em R$ 1,9 milhão por desmatar 3 hectares de vegetação de cerrado sem autorização ambiental, em uma fazenda, em Jardim.

Com auxílio de GPS, policiais militares ambientais constataram ainda que o proprietário rural queimou a vegetação, também sem autorização.

As atividades foram realizadas em mudança do uso do solo para plantio de pastagem e foram paralisadas.

Ele também responderá por crime ambiental, que prevê pena de três a seis meses de detenção.

Leia Também