Segunda, 29 de Maio de 2017

DESCONTROLADO

Com sinais de embriaguez, taxista
derruba muro de residência

Condutor apresentou três versões para dona da casa

19 MAR 2017Por VALQUIRIA ORIQUI15h:47

Moradora de uma residência localizada na Rua Otávio Cavalcante da Cunha, no Bairro Manoel Taveira, em Campo Grande, foi acordada às 3h de hoje por um taxista que perdeu o controle da direção do veículo e invadiu o muro da casa. Machucado e com sinais de embriaguez, condutor foi socorrido e encaminhado para unidade de saúde. A dona do carro chegou em seguida e afirmou que vai arcar com prejuízo.

À reportagem, Leiciany Nogueira de Lima, de 35 anos, contou que, por volta das 2h40 levantou preparar mamadeira da filha, e, ao deitar novamente escutou um forte barulho. “Levantei para ver o que tinha acontecido e quando olhei pela janela vi o carro no meu muro”, contou.

Na mesma hora a autônoma foi do lado de fora ver de perto o que tinha acontecido. “Mas eu não conseguia sair da casa, o carro ficou atravessado nos dois portões”, relatou a moradora.

Ao questionar para o motorista o que o fez perder o controle da direção, taxista apresentou três versões. “Primeiro ele disse que caiu num buraco e perdeu o controle da direção, depois ele disse que tinha acabado de receber alta hospitalar e por último contou que tinha sido assaltado e estava entrando em vias de fato com assaltante e que por isso perdeu o controle da direção e bateu no muro”, contou Leiciany.

Diante do ocorrido, a dona da casa atingida entrou em contato com a Coopertáxi, Cooperativa de Transporte de Táxi, e foi informada de que o carro era de uma mulher. “Eu queria saber se o veículo tinha seguro. Em seguida a dona do carro chegou e disse que vai arcar com as despesas para consertar o muro”, relatou.

Dentro do carro foram encontrados uma garrafa retornável de cerveja e um copo plástico. “Quando consegui sair da minha casa o Samu já tinha chegado e me disse que ele estava com sinais de embriaguez, tanto que acharam uma garrafa e um copo dentro do táxi”, completou.

WHATS: Esta matéria foi sugerida pelo Whatsapp. Envie você também sua sugestão para o número 67 - 9.99714437

 

Leia Também