Sábado, 10 de Dezembro de 2016

ECONOMIA

Campo Grande pode ter reajuste
de 8,78% no valor do IPTU 2017

Bernal decretou, no ano passado, reajuste de 9,57%

17 OUT 2016Por KLEBER CLAJUS10h:30

Campo-grandense poderá ter reajuste de 8,78% no Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). A projeção da Prefeitura de Campo Grande, para o próximo ano, aguarda apenas definição do segundo turno das eleições municipais.

“É possível que se adote mesma política de atualização monetária [do ano passado], sem possibilidade de revisão da planta genérica”, pontuou ao Portal Correio do Estado o secretário de Finanças e Controle, Disney Fernandes.

Provém do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo Especial (IPCA-E), conforme o secretário, percentual de reajuste dos impostos municipais para 2017. Aguarda-se, no entanto, definição do próximo prefeito para que decreto seja publicado.

No ano passado, decreto do prefeito Alcides Bernal (PP) reajustou impostos municipais em 9,57%. A medida irritou vereadores, porém como o patamar não excedia medição do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) não houve necessidade de tramitação no Legislativo.

Leia Também