Sábado, 10 de Dezembro de 2016

A ESCLARECER

Polícia investiga causa da morte
de mulher de 31 anos na Capital

Vítima se sentiu mal em casa e foi levada para centro de saúde

26 NOV 2016Por LAURA HOLSBACK08h:00

Inquérito policial foi aberto para investigar a causa da morte de Deisilaine Romero Mariano, 31 anos, ocorrida na noite de ontem, em centro de saúde. Inicialmente, Boletim de Ocorrência havia sido registrado como morte natural, no entanto, foi alterado para morte a esclarecer diante de atestado médico que indicou como possível causa fatores externos.

Para investigadores, o pai de Deisilaine contou que ela estava na casa onde morava quando começou a se sentir mal e reclamar de dores no tórax. Apesar disso, o pai afirmou que ela não tinha problemas de saúde. A mulher foi levada para o Centro de Regional de Saúde (CRS) do Bairro Coophavila II, onde morreu horas depois.

A morte foi registrada na Polícia Civil como causa natural, mas no começo da madrugada de hoje, agente funerário apresentou ao delegado de plantão da Vila Piratininga requisição médica solicitando exame mais específico para diagnosticar o motivo do óbito. Há a suspeita de causa externa.

O corpo foi levado ao Instituto de Medicina e Odontologia Legal (Imol) e o caso está sob investigação.

Leia Também