Quinta, 08 de Dezembro de 2016

CUIDADO ESPECIAL

Ong resgata 20 animais por mês e promove
bazar no sábado para reunir recursos

Parte dos bichos abandonados foram atropelados e dependem de cirurgia

13 OUT 2016Por RODOLFO CÉSAR15h:41

A organização não governamental Abrigo dos Bichos, de Campo Grande, está com uma demanda em resgatar até 20 animais por mês que tenham sido atropelados ou foram abandonados e estão muito debilitados nas ruas.

Esse tipo de serviço voluntário era mais intenso, quando as pessoas ligadas à ong retiravam das ruas animais que tinham sido abandonados, mas não estavam necessariamente doentes. Nesse outro cenário, até 60 bichos acabavam sendo atendidos por mês.

A diminuição nos atendimentos foi causada porque os protetores, como são chamados os integrantes de entidades que defendem os animais, estavam com custos muitos altos para arcarem. Resultado disso era o elevado número de animais abandonados que eram retirados das ruas e passavam por tratamento de saúde antes de irem para adoção.

"Apesar de conseguirmos tabela social nas clínicas veterinárias, nossos débitos estão altos devido ao grande número de animais socorridos", explicou a presidente da organização, Maria Lúcia Metello.

Para ajudar a cobrir gastos, inclusive, a ong promoverá no sábado (15) bazar na Rua José Antônio, 954, onde fica o Carlinhos Lanches. Serão vendidas roupas, acessórios e artigos novos e usados. "Nossas contas acabam ficando altas devido às cirurgias ortopédicas, na maioria das vezes com necessidade de se colocar pino (nos animais). O bazar vai nos ajudar a fazer dinheiro", explicou Metello.

Ela afirmou que no Bazar da Primavera, como foi denominado o evento, os objetos e roupas usados estão todos em bom estado de conservação.

ADOÇÃO

A ong divulgou que programa para dia 29, um sábado, a feira de adoção de animais. Deve haver gatos e cachorros.

Vai ser possível encontrar os protetores com os animais para adoção nos altos da Avenida Afonso Pena, em Campo Grande.

Leia Também