Sexta, 20 de Outubro de 2017

recapeamento

Obras comandadas pelo Exército estão paradas e sem data para serem retomadas

Militares fazem treinamento antes de implantarem drenagem nas avenidas

19 MAI 2017Por DA REDAÇÃO07h:00

As obras de recapeamento de responsabilidade do Exército estão paralisadas e sem data para serem retomadas.

De acordo com o assessor de imprensa do Comando Militar do Oeste (CMO), major Marcelo Machado, mesmo sem atividades, as obras ainda estão dentro do cronograma. 

A perspectiva, segundo o major, é de reiniciar os trabalhos semana que vem, mas sem certezas. “A partir da próxima semana, devem ser retomadas; porém, mais informações não puderam ser obtidas porque o comandante não se encontra na cidade”, explicou.

Ontem, a reportagem do Correio do Estado percorreu os quatro trechos de responsabilidade dos militares, as avenidas Brilhante, Bandeirantes, Marechal Deodoro e Rua Guia Lopes, mas não havia máquinas operando em nenhum deles.

No acampamento armado na Brilhante, apenas as barracas estavam erguidas, sem máquina ou tratores estacionados. Conforme o CMO, o planejamento prevê treinamentos no Exército antes da nova etapa ser iniciada, que é a instalação do sistema de drenagem. No entanto, não há data para que as obras sejam reiniciadas.

*Leia reportagem, de Bárbara Cavalcanti, na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

Leia Também