Terça, 26 de Setembro de 2017

ILUMINAÇÃO

Instalação de mais de 16 mil
lâmpadas de LED começa em outubro

Secretário de Obras disse que equipe de eletricista ainda será treinada

15 SET 2017Por IZABELA JORNADA16h:33

Secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos de Campo Grande, Rudi Fiorese, confirmou hoje, durante agenda do prefeito Marcos Trad (PSD), que a instalação das lâmpadas de LED na cidade vai começar em outubro.

“São cinco eletricistas com experiência comprovada e no período curto de duas semanas eles estarão finalizando treinamento para começarem as instalações em outubro”, explicou o secretário. A instalação deve demorar seis meses para ser finalizada.

Rudi disse também que o processo de instalação das lâmpadas de LED é diferente das convencionais e por ser mais complexo, necessita de profissionais especializados em elétrica. “Tem que fazer verificação da infraestrutura, ver que estado se encontra a fiação”, disse Rudi.

As lâmpadas de LED suportam voltagem de tensão menor que as lâmpadas comuns e, de acordo com o secretário de obras, se a fiação não for analisada e a instalação não for feita adequadamente, ela tem o período de vida útil menor. 

Os cinco eletricistas foram contratados pela Prefeitura de Campo Grande no valor mensal de R$ 2.500 cada. O contrato tem validade para seis meses, podendo ser renovado por mais 24 meses, como forma de manutenção rotineira dos equipamentos.

As lâmpadas estão em containers no almoxarifado da secretaria e, de acordo com Rudi, elas se encontram em boa conservação.

A prefeitura tem 16.126 lâmpadas de LED para serem instaladas e elas estão guardadas há quase um ano. O contrato de compra de instalação desses equipamentos foi alvo de investigação e o Tribunal de Contas do Estado (TCE) identificou indícios de irregularidades. A licitação foi montada na gestão de Alcides Bernal (PP).

O contrato também foi questionado pelo Ministério Público Estadual na Justiça e houve anulação do convênio no valor de R$ 33,8 milhões entre a empresa que forneceu as LEDs, Solar Distribuidora e Transmissão S.A e a Prefeitura de Campo Grande.

A compra era de 30 mil lâmpadas, mas a empresa entregou 20 mil e instalou outras 4 mil. O pagamento do poder público à Solar foi de R$ 20,5 milhões.

ÁREAS

As lâmpadas de LED serão instaladas nas sete regiões de Campo Grande. Os endereços corretos ainda não foram divulgados, mas devem ser priorizadas avenidas e ruas de grande fluxo.

Até agora, as novas luminárias foram colocadas apenas em parte dos bairros Aero Rancho, Moreninhas, Coophavilla e Jardim Noroeste, além da Avenida Zahran e Avenida Afonso Pena.

Leia Também