Quarta, 22 de Novembro de 2017

morte no shopping

Inquérito sobre assassinato em
shopping será concluído em poucos dias

Adilson Silva Ferreira dos Santos morreu com tiro no peito

29 SET 2017Por DA REDAÇÃO06h:00

Na próxima semana, a Polícia Civil deve concluir o inquérito que apura o assassinato de Adilson Silva Ferreira dos Santos, 23.

Ele morreu com um tiro no peito, disparado pelo agente penitenciário federal Joseilton de Souza Cardoso, 33, no fim de semana, durante show no estacionamento do Shopping Bosque dos Ipês, em Campo Grande. Como o responsável pelo tiro está preso, o prazo para conclusão do inquérito é de apenas dez dias.

Ontem, o delegado Paulo Henrique Sá, da 3 ª DP, disse que a investigação está em andamento. Várias testemunhas já foram ouvidas, entre elas seguranças, organizadores do show, bem como outras pessoas que estavam no local. Ele preferiu não dar detalhes sobre o conteúdo dos depoimentos.

Também ontem, o advogado José Roberto Rodrigues da Rosa assumiu a defesa do agente penitenciário federal e adiantou que peticionará ao Tribunal de Justiça desistindo do habeas corpus requerido anteriormente, por outro advogado, em favor de Joseilton. 

Segundo José Rosa, ao analisar o inquérito, constatou que a polícia já ouviu mais de 15 testemunhas e os depoimentos da grande maioria delas apontam para a legítima defesa.

O agente foi autuado em flagrante logo após o episódio e na segunda-feira o juiz de plantão que realizou a audiência de custódia decidiu manter o flagrante.

*Leia reportagem, de Thiago Gomes, na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

 

Leia Também