Domingo, 20 de Agosto de 2017

HOMENAGEM

Estátua em homenagem a Manoel de Barros é apresentada ao governador

18 ABR 2017Por IZABELA JORNADA12h:46

A estátua do poeta Manoel de Barros foi apresentada ao governador do Estado Reinaldo Azambuja (PSDB), hoje pela manhã, no Museu de Arte Contemporânea (Marco) no Parque das Nações Indígenas em Campo Grande.

O monumento, feito a pedido de Azambuja, será instalado no canteiro central da cidade, entre a Avenida Afonso Pena e a Rua Rui Barbosa.

A escultura de bronze pesa 400 kg e foi criada pelo cartunista Ique Woitschach, que já fez outras nove estátuas pelo Brasil. "Queria ter homenageado ele em vida, mas veio na hora certa. Faço 40 anos de profissão, o Estado faz 40 anos e estamos comemorando o centenário de Manoel de Barros".

Woitschach, que é natural de Campo Grande, expressou sua alegria em produzir o monumento. "Manoel lembra minha infância. Todos diziam que eu era maluco, mas quando eu lia as poesias dele percebia que alguém me entendia"

Apesar de ser a décima obra do artista, Woitschach explica que é a primeira a ser feito por ele na Capital. "Essa é a primeira estátua na minha terra. Já fiz o Michael Jackson no morro do Rio, Pixinguinha de pijamas em São Paulo e várias outras".

Além da estátua de 1,38x1,60 metros, o cartunista  presenteou o Estado com três réplicas. Duas para o Sesc e uma para a esposa de Azambuja.

O Sesc ficará responsável pela manutenção do monumento.

Leia Também