Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Após 8 meses

Depois de matar, rapaz se passa
por tio e é preso em carvoaria

Marcio matou dono de bar durante a tarde, no Nova Lima

30 NOV 2016Por ALINY MARY DIAS E LAURA HOLSBACK10h:46

Quase oito meses depois de matar Cleberson Fernandes Pinheiro, de 32 anos e dono de bar no bairro Nova Lima, Marcio Duarte de Oliveira, de 30 anos, foi preso nesta semana enquanto se passava por tio e trabalhava em carvoaria de Rio Brilhante.

Segundo o delegado Weber Luciano de Medeiros que comandou a investigação, o crime aconteceu em frente de bar na Rua Marques de Herval, na tarde do dia 20 de março. Marcio se desentendeu com Cleberson e o matou com uma facada no abdômen.

A vítima chegou a ser socorrida até uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e depois para a Santa Casa, mas não resistiu.

Depois do crime, conforme a polícia, Marcio fugiu para Nova Alvorada do Sul e começou a usar documentos de um tio. Ele conseguiu emprego em uma carvoaria e depois se mudou para Rio Brilhante.

Na última segunda-feira, policiais da Capital foram até a ensacadora de carvão onde Marcio estava trabalhando e o prenderam depois que a Justiça expediu mandado de prisão preventiva.

O rapaz responderá pelo crime de homicídio qualificado e será encaminhado para o presídio de Campo Grande.

 

 

 

Leia Também