Quarta, 07 de Dezembro de 2016

POLÍTICA

Audiência trava projeto para reduzir
tempo de espera em lotéricas

Proposta tramita há três anos e teve reviravolta na Câmara Municipal

18 OUT 2016Por KLEBER CLAJUS12h:14

Comissão Permanente de Indústria e Comércio requereu audiência pública, hoje, suspendendo assim votação de projeto que há três anos busca limitar tempo de espera para atendimento em lotéricas, correspondentes bancários e lojas de departamento em Campo Grande. Com isso, nenhum projeto foi votado na Câmara Municipal.

Pareceres favoráveis haviam sido emitidos, porém os integrantes da comissão querem ampliar o debate sobre o tema que atinge, inclusive, a terceirização dos serviços bancários sem estrutura como água, assentos e sanitários aos clientes.

“Hoje o grande problema é que se abre uma portinha sem segurança, banheiro e com longas filas de espera transferidas das agências para burlar lei que estipula tempo para atendimento do cidadão”, explicou o autor da proposta, Chiquinho Telles (PSD).

Tempo razoável, descrito pelo vereador no projeto, seria o mesmo daquele já aplicado em agências bancárias: 15 minutos em dias normais, 20 minutos em dias de pagamento e vencimento de tributos, além de 25 minutos na véspera e depois de feriados.

Leia Também