Segunda, 20 de Novembro de 2017

PROTESTO

Acadêmicos indígenas invadem
prédio da Funai em Campo Grande

Eles chegaram às 16h e não concordam com exoneração de ex-coordenador

10 NOV 2016Por RODOLFO CÉSAR19h:22

Grupo de 25 acadêmicos indígenas invadiram o prédio da Fundação Nacional do Índio (Funai) em Campo Grande, hoje. Eles chegaram por volta das 16h e decidiram permanecer como forma de protesto pela exoneração do ex-coordenador regional Evair Borges, que estava há 16 anos no cargo, e a nomeação de Renato Vidal Sant´anna, coronel aposentado do Exército e ruralista.

A mudança foi publicada hoje no Diário Oficial da União e teve efeito imediato. Evair Borges ainda permaneceu durante todo o dia na Funai para encerrar suas atividades. Ele não sabia que seria exonerado.

A reportagem apurou que lideranças indígenas também virão para Campo Grande e amanhã estarão na sede da Funai.

Os acadêmicos participavam de evento na cidade e conversaram com Borges antes de ele sair do local. "Queriam saber os motivos da exoneração. Mas não tenho informação. Fui pego de surpresa", explicou o ex-coordenador regional da fundação.

Os estudantes estão concentrados no gabinete do prédio, que fica na Rua Maracaju.

NOVO COORDENADOR

Renato Vidal Sant´anna foi comandante do 23º Batalhão Logístico de Selva, em Marabá (PA). O militar reformado tinha, em 2004, a fazenda Arapari, de 3,6 mil hectares. Ele também foi subchefe do Estado-Maior do Comando Militar do Oeste (CMO), na Capital, em 2010.

Leia Também