Quarta, 22 de Novembro de 2017

Discriminação

Academia é notificada após chamar pessoas de feias e gordas em anúncio

Propaganda afixada em rotatória foi considerada discriminatória

17 JUL 2017Por GLAUCEA VACCARI11h:43

Academia de ginástica no bairro Monte Castelo, em Campo Grande, foi notificada pela Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon) por suposto anúncio discriminatório. Placa afixada pela empresa trazia os seguintes dizeres: “Cansado de ser feio e gordo? Seja só feio”.

Consumidor viu o anúncio e encaminhou denúncia ao Procon, que realizou fiscalização na sexta-feira (14) e verificou a publicidade em placa afixada em rotatória do bairro Monte Castelo.

Segundo o superintendente do Procon, Marcelo Salomão, o anúncio afronta normas consumeristas e caracteriza discriminação.

De acordo com o Código de Defesa do Consumidor, é proibida a publicidade discriminatória de qualquer natureza.

Foi instaurado procedimento para averiguar se o anúncio fere a legislação e o dono da academia tem prazo de 10 dias para apresentar defesa.

"Eu fiz uma consulta antes. Não é porque teve gente que não gostou que está errado. Não vejo como discriminatório e o Procon está certo em vir averiguar. Me orientaram a fazer uma defesa. A verdade é que essa placa me trouxe mais alunos. Virou brincadeira, as pessoas param lá para tirar foto", comentou o profissional de educação física e proprietário do studio, Joni Guimarães, 35 anos.

Segundo ele, o local tem entre 90 e 100 alunos e a metade desse público contratou serviço para emagrecer. "Se verificarem que estiver errado, eu vou tirar a placa", comentou.

PROCON

Quem entender que houve discriminação em propaganda pode denunciar pelo número 151. Telefone também pode ser utilizado para denúncias de irregularidades nas relações de consumo, como produtos vencidos, ausência de preços na vitrine, demora na fila de banco, entre outros.

*Editada às 15h13 para acréscimo de informações.

*Colaborou Rodolfo César.

Leia Também