Quarta, 28 de Junho de 2017

Multa

Odebrecht terá que pagar US$ 2,6 bilhões em multas nos EUA

Sentença diz respeito a acordo processual entre a empresa e autoridades brasileiras, norte-americanas e suíças.

17 ABR 2017Por R720h:00

A justiça norte-americana condenou Odebrecht a pagar US$ 2,6 bilhões (cerca de R$ 8 bilhões) em multas em processo de  caso criminal de corrupção, assinando acordo entre a empresa e autoridades brasileiras, norte-americanas e suíças.

O juiz distrital Raymond Dearie disse em uma audiência na corte federal do Brooklyn que cerca de US$ 93 milhões (R$ 290 milhões) serão destinados aos EUA, US$ 2,39 bilhões (R$ 7,45) ao Brasil e US$ 116 milhões (R$ 362 milhões) à Suíça.

Em dezembro de 2016, a Odebrecht, juntamente com a subsidiária petroquímica Braskem, declarou-se culpada de pagar propinas no valor de US$ 788 milhões a autoridades em 12 países. A maioria dos casos ocorreu na América Latina. Valores ilegais passaram por bancos norte-americanos e também suíços.

A ordem desta segunda-feira ocorre em um momento que a Odebrecht tenta firmar acordos com outros países em que cometeu crimes, como Argentina, Chile, Colômbia, Equador, México, Peru, República Dominicana, Panamá e Portugal.

Leia Também