Sexta, 21 de Julho de 2017

Atleta

Aos 27 anos, ex-jogador da NFL é encontrado morto na prisão

19 ABR 2017Por FolhaPress13h:41

O jogador de futebol americano Aaron Hernandez, de 27 anos, foi encontrado morto em prisão nos EUA nesta quarta-feira (19). As autoridades do Estado de Massachussets informaram, em comunicado, que o atleta cometeu suicídio. Hernandes estava enforcado em sua cela no Centro Correcional Souza-Baranowski.

"O sr. Hernandez se enforcou utilizando um lençol preso à janela de sua cela. Ele também tentou bloquear sua porta por dentro, ao colocar vários itens encostados na mesma", informou o comunicado da polícia do estado norte-americano.

Ainda segundo a nota oficial, os agentes utilizaram técnicas para tentar salvar a vida do ex-jogador do New England Patriots, time do marido de Gisele Bündchen, Tom Brady. Ele foi levado para um hospital de Massachussets, onde um médico declarou sua morte às 4h07 (5h07, no horário de Brasília).

O detento estava em uma cela individual, pois cumpria pena perpétua pelo assassinado de Odin Lloyd, em junho de 2013 . A vítima era jogador semi-profissional de futebol americano e estava namorando a irmã de Hernandez. Ele foi morto pela ex-estrela em local próximo à mansão de Hernandez. A condenação foi em 15 de abril de 2015.

O jogador ainda respondia pelo homicídio de dois homens (Daniel de Abreu e Safiro Furtado), ocorrido em julho de 2012, mas foi absolvido na última sexta-feira. Ambos foram mortos a tiros em um carro enquanto estavam parados em um farol de South End, Boston.

A justiça decidiu inocentar Hernadez, que ficou muito emocionado após ouvir a sentença. Sua noiva e sua filha de quatro anos estavam no tribunal e acompanharam as deliberações do júri. O ex-jogador mandou beijos à família após ser inocentado das mortes de Abreu e Furtado. Apesar da absolvição, Hernandez ainda teria de cumprir a pena perpétua pelo assassinato de Lloyd.

A polícia iniciou uma investigação sobre o suicídio do jogador e já relatou que não foi encontrado nenhum tipo de carta de autoria própria da ex-estrela apontando mesmo um suicídio. Relatórios sugerem que Hernandez teve um registro violento na prisão, incluindo muitas lutas com outros presos, mas ele nunca tinha tentado se matar.

Um porta-voz dos Patriots disse que a equipe ainda não decidiu se fará um pronunciamento oficial sobre o incidente. Hernandez era tido como um dos atletas mais promissores da NFL em sua posição. O tight end (que pode receber passes do quarterback ou também realizar corridas) defendeu o New England Patriots entre 2010 e 2012, chegando a ter um contrato de US$ 40 milhões (R$ 123 milhões).

Hernandez atuou ao lado de Brady e conseguiu 1.956 jardas e 18 touchdowns em sua rápida carreira na NFL. Ele disputou e perdeu o Super Bowl, a grande final do campeonato de futebol americano, em 2011.

 

Leia Também